Radio Calema
InicioAngolaRegiõesPopulação de Sachitemo beneficia de escola do ensino primário

População de Sachitemo beneficia de escola do ensino primário

A população do sector de Sachitemo, município da Chicala-Cholohanga, província do Huambo, beneficiou esta sexta-feira, de uma escola do ensino primário, para albergar 420 alunos, em sete salas de aula, construída pela empresa chinesa “JIAGZHOU AGRICULTURE”, no quadro da sua responsabilidade social.

O empreendimento, sublinha Angop, erguido para melhorar a qualidade de ensino e aprendizagem dos 420 alunos que se encontravam a assistir aulas em lugares improvisados, foi entregue pelo embaixador chinês creditado em Angola, Gong Tao, na companhia do vice-governador local para os serviços Técnicos e Infra-estruturas, Leonardo Severino Sapalo.

A unidade escolar, cujo valor não foi detalhado, possui igualmente um gabinete do director, sala dos professores, secretaria, área de lazer e outras dependências indispensáveis para o normal funcionamento.

Na ocasião, o vice-governador do Huambo mostrou-se satisfeito com o engajamento da empresa chinesa “JIANGZHOU AGRICUTURE”, dedicada à pesquisa no ramo da agricultura, por ter cumprido mais uma das suas responsabilidades sociais, com vista a melhorar o processo docente/educativo do sector de Sachitemo, que passa a contar com cinco escolas.

Em 2014, o Governo chinês entregou ao Governo da província do Huambo, planalto central de Angola, a primeira escola de amizade entre o gigante asiático e este país da África Austral, construída na zona do Lossambo, oito quilómetros do centro da capital provincial, com capacidade para 200 alunos, no quadro da cooperação bilateral entre os dois países.

A escola de amizade constitui um dos projectos concebidos para estimular a cooperação económica e comercial, entre a China e os países africanos, no quadro das medidas lançadas pela 4ª Conferência Ministerial do fórum para a Cooperação Sino – Africana.

A província do Huambo conta, no presente ano lectivo, com 915 mil e 817 alunos, distribuídos em 598.149 no ensino primário, 127.416 no I ciclo, 42.565 no II ciclo do ensino secundário, 11.260 para formação específica de professores, 6.575 no II ciclo técnico-profissional e 17.700 nos cursos de alfabetização, além de outros 6.064 no ensino privado.

Estes alunos estão a frequentar aulas em mil e 96 escolas do ensino primário, 93 do I ciclo, 18 do II ciclo do ensino secundário, sete de formação de professores, quatro do ensino técnico-profissional em 34 escolas privadas (colégios), perfazendo um total de 1.379 instituições e num total de 19.292 professores.

Com uma área de exploração de mil e 800 hectares de terra, a empresa JIANGZHOU AGRICUTURE prevê ainda, dentro da sua responsabilidade social, construir 30 casas sociais, um posto de saúde, entre outras acções.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.