- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Destaques Última Hora: Irmão do primeiro-ministro britânico demite-se

Última Hora: Irmão do primeiro-ministro britânico demite-se

O deputado britânico Jo Johnson, irmão do primeiro-ministro e secretário de Estado para as Universidades e Ciência, anunciou hoje a demissão, invocando incompatibilidade entre “lealdade à família e o interesse nacional”.

“Foi uma honra representar Orpington por nove anos e servir como ministro sob três primeiros-ministros. Nas últimas semanas, fiquei dividido entre a lealdade à família e o interesse nacional”, comunicou hoje através da rede social Twitter.

Para Jo Johnson, esta é uma “tensão insolúvel e está na hora de outras pessoas assumirem os meus papéis de deputado e secretário de Estado”.

De acordo com o JN que cita a LUSA, Jo Johnson, de 47 anos, é deputado desde 2010 e fez parte dos governos de David Cameron e Theresa May, mas demitiu-se deste último em divergência com a política para o ‘Brexit’, passando a defender um novo referendo para desbloquear a questão.

Na altura criticou a direção das negociações, as quais qualificou como “um erro terrível” porque deixariam o Reino Unido enfraquecido economicamente e sem direito de voto sobre as regras europeias que teria de cumprir.

A família de Boris Johnson é ativa politicamente, sendo o pai, Stanley Johnson, igualmente membro do partido Conservador e um antigo eurodeputado que fez campanha pela permanência do Reino Unido na União Europeia no referendo de 2016.

A irmã Rachel Johnson concorreu sem sucesso pelo partido independente pró-europeu Change UK nas eleições europeias de 2019, depois de passagens como militante pelo partido Conservador e Liberais Democratas.

- Publicidade -
- Publicidade -

Ainda sobre os enganos do discurso sobre o Estado da Nação: JLo atribui mais 6,1 mil milhões USD às RIL

ESTATÍSTICAS. Economistas consideram difícil entender lapso do Presidente da República que, ao invés de 9,3 mil milhões de dólares, disse que as Reservas Internacionais...
- Publicidade -

Activistas angolanos não cedem: Nova marcha a 11 de Novembro

Activistas culpam o Presidente João Lourenço pelos incidentes de sábado, durante a marcha em Luanda por melhores condições de vida. Segundo os organizadores, duas...

Vítimas em Cabo Delgado têm direito a ter uma história, diz Mia Couto

O escritor moçambicano Mia Couto apelou hoje à humanização do relato sobre o conflito armado em Cabo Delgado, norte do país, destacando a história...

Notícias relacionadas

Ainda sobre os enganos do discurso sobre o Estado da Nação: JLo atribui mais 6,1 mil milhões USD às RIL

ESTATÍSTICAS. Economistas consideram difícil entender lapso do Presidente da República que, ao invés de 9,3 mil milhões de dólares, disse que as Reservas Internacionais...

Activistas angolanos não cedem: Nova marcha a 11 de Novembro

Activistas culpam o Presidente João Lourenço pelos incidentes de sábado, durante a marcha em Luanda por melhores condições de vida. Segundo os organizadores, duas...

Vítimas em Cabo Delgado têm direito a ter uma história, diz Mia Couto

O escritor moçambicano Mia Couto apelou hoje à humanização do relato sobre o conflito armado em Cabo Delgado, norte do país, destacando a história...

Rui Pinto e Júdice? “Ladrão que rouba a ladrão tem cem anos de perdão…”

"Já lá diz a sabedoria popular: ladrão que rouba a ladrão tem cem anos de perdão..." Foi desta forma que Ana Gomes reagiu, no Twitter,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.