Radio Calema
InícioAngolaRegiõesProfessores na Lunda Norte pedem formação contínua

Professores na Lunda Norte pedem formação contínua

Angop

Os professores na Lunda Norte solicitaram mais aprimoramento técnico e pedagógico, através de acções de formações regulares, para melhor eficácia no processo de ensino.

A solicitação vem expressa nas recomendações do 1º Workshop sobre o ponto de situação da qualidade de ensino e aprendizagem na Lunda Norte, promovido pelo Gabinete provincial da Educação, de 29 a 30 de Agosto.

No documento, enviado hoje (segunda-feira), os docentes solicitam igualmente que se dedique uma atenção especial ao ensino da primeira infância, por ser o ponto de partida para a formação de quadros qualificados, bem como maior rigor por parte da inspecção na avaliação dos docentes.

Consideraram fundamental que se produza informações reais sobre o desempenho dos docentes, com vista a se diagnosticar possíveis deficiências no processo de ensino e aprendizagem, para a criação de medidas e/ou estratégias que possam ajudar a melhorar o desempenho do professor.

Durante o workshop os participantes discutiram temas como “Desafios e perspectivas da educação na primeira Infância”, “Alfabetização”, “Compromisso dos Professores, Alunos, Pais e Encarregados de Educação no processo de ensino e aprendizagem”, entre outros.

A província da Lunda Norte conta com 172 escolas (mil e 665 salas de aulas), sendo 83 escolas primárias (785 salas), 68 complexos escolares (726 salas), sete colégios (61 salas), seis liceus (56 salas), dois Institutos técnicos e seis Magistérios de formação de professores.

No presente ano lectivo foram matriculados 214 mil alunos em todos os subsistemas de ensino, assegurados por cinco mil e 156 professores, distribuídos em mil 665 salas de aulas.

Para absorver a demanda da população estudantil, a província necessita de mil 492 salas de aulas, 37 mil 340 carteiras, 833 quadros e três mil 577 professores.

Siga-nos

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.