- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Cultura Música Duetos N’Avenida abre nova temporada

Duetos N’Avenida abre nova temporada

Jornal de Angola

Segundo o Jornal de Angola, a terceira temporada do projecto Duetos N’Avenida começa no dia 27, na Casa 70, em Luanda, com Anna Joyce e Konde, esperando-se a mesma dinâmica e estrutura das edições anteriores, com realce para a criação de maior espaço para o humor e a música gospel.

Para explicações detalhadas do projecto, a Zona Jovem Produções, realiza, hoje, às 18h00, no Hotel Loanda, uma conferência de imprensa na qual vai anunciar o cartaz completo da terceira edição.

Figueira Ginga, um dos membros da organização, a par de Chalana Dantas e Jeferson Simão, confirmou já a presença da dupla gospel Miguel Buíla e Bambila para a edição de Novembro.

Depois de duas temporadas, adiantou, a direcção da Zona Jovem Produções pretende consolidar mais o projecto no mercado e torná-lo numa das principais referências fixas da agenda musical da cidade.

“Mas as portas continuam abertas para novas adesões, porque já conseguimos conquistar um público e este merece o melhor”, disse Figueira Ginga, acrescentando que estão a pensar em ir também para outras províncias.

O projecto começou no segundo semestre de 2018, na Casa 70, com o dueto de Patrícia Faria e Puto Português. Pelo êxito da dupla, a organização decidiu continuar com a iniciativa e levou outros nomes para concertos como Eduardo Paim e Maya Cool, Edmázia e Bruna Tatiana, e Paulo Flores e Yuri da Cunha.

A segunda temporada consolidou a marca com espectáculos de Gabriel Tchiema e Euclides da Lomba, Don Kikas e Walter Ananaz, Pérola e Yola Semedo, Calado Show e Gilmário Vemba e Kyaku Kyadafy e Ary.

A ideia do projecto da Zona Jovem é valorizar a música angolana, convidando ao palco intérpretes das mais variadas vertentes para apresentações de artistas consagrados individualmente e dispostos à criação em dupla de um show de raiz.

- Publicidade -
- Publicidade -

Protesto em Luanda: Isabel dos Santos apela por libertação de manifestantes

Empresária usou a hashtag #trabalhandoporangola para expressar no Twitter a sua indignação com a detenção dos manifestantes em Luanda. Organizadores convocam manifestação para 11...
- Publicidade -

Vai começar outra história para o petróleo de Angola?

O decreto presidencial que obriga as petrolíferas internacionais a contratarem serviços e quadros angolanos foi recebido com um sentimento misto. Uns aplaudem esta “angolanização”,...

Polícia dispersa protesto junto ao Tribunal Provincial de Luanda

Cerca de uma centena de pessoas que exigiam a libertação dos manifestantes detidos no sábado (24.10) foram dispersadas com gás lacrimogéneo pela polícia angolana....

João Lourenço no mais importante fórum empresarial de África a convite do Instituto Tony Blair

O Presidente João Lourenço vai estar ao lado ex-primeiro ministro britânico Tony Blair, no dia 5 de Novembro, para participar no Africa Debate, o...

Notícias relacionadas

Protesto em Luanda: Isabel dos Santos apela por libertação de manifestantes

Empresária usou a hashtag #trabalhandoporangola para expressar no Twitter a sua indignação com a detenção dos manifestantes em Luanda. Organizadores convocam manifestação para 11...

Vai começar outra história para o petróleo de Angola?

O decreto presidencial que obriga as petrolíferas internacionais a contratarem serviços e quadros angolanos foi recebido com um sentimento misto. Uns aplaudem esta “angolanização”,...

Polícia dispersa protesto junto ao Tribunal Provincial de Luanda

Cerca de uma centena de pessoas que exigiam a libertação dos manifestantes detidos no sábado (24.10) foram dispersadas com gás lacrimogéneo pela polícia angolana....

João Lourenço no mais importante fórum empresarial de África a convite do Instituto Tony Blair

O Presidente João Lourenço vai estar ao lado ex-primeiro ministro britânico Tony Blair, no dia 5 de Novembro, para participar no Africa Debate, o...

A pedido de João Lourenço Parlamento aprova propostas para agravar penas no novo Código Penal

Com 176 votos a favor e duas abstenções (CASA-CE), a Assembleia Nacional aprovou hoje, na generalidade, as propostas de alteração ao Código Penal Angolano,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.