Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

José Mário Vaz é candidato presidencial

Presidente da Guiné Bissau, José Mário Vaz (DR)

VOA

O Presidente da Guiné-Bissau anunciou a sua recandidatura ao cargo nas eleições presidenciais marcadas para 24 de Novembro.

O esperado anúncio de José Mário Vaz aconteceu, em Bissau, na quinta-feira, 29, perante os seus apoiantes, provenientes sobretudo do interior do país, onde afirma ser “uma figura de paz”.

Não obstante a sua Presidência ter sido muito atribulada, com seis primeiro-ministros e sete Governos, em apenas cinco anos, Vaz arroga ter feito uma magistratura positiva, sem golpes de Estado, assassinatos políticos, com liberdade de manifestações, de imprensa e de opinião.

Entretanto, nesse período, o país esteve, em muitas aspectos, “sob a chancela” da Comunidade Económica de Desenvolvimento dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), que determinou a formação de governos e chegou a aplicar sanções a 19 personalidades guineenses, entre elas um filho de Vaz.

Algumas importantes decisões internas foram inclusive emanadas das cimeiras dos Chefes de Estado e do Governo da organização.

Sem apoio declarado, por agora, de nenhum dos principais partidos, que já escolheram os seus candidatos à excepção do PRS, que esteve ao seu lado em muitos momentos da sua Presidência, José Mário Vaz terá como adversários já conhecidos Domingos Simões Pereira, antigo primeiro-ministro e líder do PAIGC, Carlos Gomes Júnior, antigo primeiro-ministro ex-presidente do PAIGC, e Umaro El Mockhtar Sissoco Embalo, antigo primeiro-ministro durante a gestão de Vaz.

O adversário de Vaz em 2014, Nuno Gomes Nabian, deve ser o candidato apoiado pelo APU-PDGB, enquanto o secretário geral do PGR, Florentino Mendes Pereira, manifestou a sua intenção de concorrer mesmo como independente.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »