- Publicidade-
InicioAngolaPolíticaEmpresa japonesa prepara-se para investir em Angola

Empresa japonesa prepara-se para investir em Angola

A empresa japonesa de construção e reabilitação de plantas industriais “Marubeni” vai investir no sector fabril de Angola, depois de ter participado na recuperação das fábricas têxteis Satec, Alassola e Textang II, anunciou, nesta quinta-feira, o seu presidente, Masumi Kakinoki, escreve a Angop.

A Marubeni foi responsável pela reabilitação e modernização das três fábricas têxteis de Angola, situadas nas províncias de Benguela, Cuanza Norte e Luanda, empreitada que contou com o financiamento de mil milhões de dólares do banco japonês JBIC.

Masumi Kakinoki falava à imprensa depois de ter sido recebido, pelo Presidente da República de Angola, João Lourenço, à margem do segundo dia de actividade da sétima Conferência Internacional de Tóquio para o Desenvolvimento de África (TICAD7), que decorre em Yokohama.

No trabalho a desenvolver, pela empresa Marubeni, em Angola, sublinhou que a prioridade recai para a construção de uma barragem e de condutas de água em várias localidades da provincial do Cunene, afectadas pela seca.

Em relação a este projecto, que se enquadra nas acções de emergência para mitigar os efeitos da estiagem, referiu que o Presidente João Lourenço sugeriu a Marubeni a juntar-se a uma empresa local na edificação da barragem.

Esclareceu que o enfoque da empresa é participar em projectos de manufactura, com base em parceria público-privada.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.