Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Cabinda regista redução de casos de malária

Médico assiste um paciente de Malária (Vatican News)

As unidades de saúde da província de Cabinda registaram no mês de Julho, deste ano, 23 mil e 347 casos de malária, menos seis mil e 943 diagnósticos em relação a Junho do corrente.

Este facto foi dado a conhecer hoje, quinta-feira, à Angop, pela secretária provincial da Saúde de Cabinda, Carlota Tati, no final de uma reunião de balanço do sector, tendo referido que os casos de doença reduziram devido a implementação de estratégias de combate e prevenção da doença.

Fez saber que no período em causa, o sector da Saúde intensificou as campanhas de sensibilização nas comunidades sobre o uso correcto dos mosquiteiros, os programas de fumigação, a destruição de charcos de águas e focos de lixo, entre outras acções de combate à doença.

Disse que umas das prioridades do sector é melhorar a qualidade dos cuidados primários de saúde na região, através de medidas preventivas e de combate a certas patologias, principalmente a malária.

“A malária é uma doença que pode ser prevenida pela população desde que cumpram com rigor os conselhos dos técnicos de saúde de manter as portas e janelas fechadas, montar correctamente os mosquiteiros, evitar os charcos de águas, cortar o capim à volta de casa, entre outras medidas profiláticas”, sublinhou.

Lembrou que o programa de combate à malária em Cabinda, que prioriza mulheres grávidas e as crianças, tem o apoio da empresa petrolífera Chevron, além das organizações não governamentais África Care e World Vision, respectivamente.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »