- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo América do Sul Papa pede união pela Amazónia: "Oremos pelo empenho de todos"

Papa pede união pela Amazónia: “Oremos pelo empenho de todos”

Os muitos incêndios a lavrar na Amazónia, e que afectam sobretudo o Brasil e a Bolívia, têm mais um inimigo de peso no Vaticano.

O Papa Francisco aproveitou a habitual missa de domingo, na Praça de São Pedro, para rezar pelo rápido apagar das chamas num esforço que o Sumo Pontífice espera ser colectivo.

“Oremos para que, com o empenho de todos, as chamas sejam controladas o mais breve possível porque o pulmão das florestas é vital para o nosso planeta”, afirmou o líder da Igreja católica perante milhares de fiéis que assistiam à missa, citado pela Euronews.

Bolívia aceita ajuda
A Amazónia, casa da maior biodiversidade do planeta, abrange territórios de nove países, incluindo a França.

Entre os mais afectados pelos incêndios está a Bolívia, já com cerca de um milhão de hectares ardidos, de acordo com as autoridades locais.

Os habitantes da Amazónia boliviana estão “tristes” porque veem “tudo perdido”. “Os animais selvagens foram queimados. Não resta nada”, lamentou Elugio Cesare, membro de uma das tribos indígenas residentes em Chiquitanías.

Pelo menos dez famílias bolivianas já ficaram sem casa, revelou pelas redes sociais o Presidente Evo Morales.

O chefe de Estado boliviano prometeu reconstruir as casas dessas famílias, revelou a instalação de albergues para animais resgatados nos incêndios e a contratação de mais aviões para combater as chamas.

Há também muitos voluntários a ajudar os bombeiros no terreno.

Um deles, Armando Pinto, conta-nos que “as chamas estão a avançar cada vez mais rápido”. Sabrina Cuellar acrescenta que as equipas vão “para uma zona e o fogo avança por outra”.

“Precisamos da ajuda para combater o incêndio. Só nós não somos suficientes”, lamenta.

Depois de ter rejeitado ajuda internacional, este sábado à noite Evo Morales já se mostrou receptivo a aceitar as ofertas de ajuda de Argentina e Peru na zona de Chiquitanías, onde mais de duas mil pessoas combatem as chamas.

A falta de chuva e o calor previstos nos próximos dias ameaçam dificultar o combate às chamas na Amazónia boliviana.

- Publicidade -
- Publicidade -

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...
- Publicidade -

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Cardeal italiano demitido de Vaticano por suspeitas de desvio de fundos

O italiano Angelo Becciu, tido a data como um dos cardeais mais influentes do Vaticno, foi obrigado a renunciar ao seu cargo, devido à...

Notícias relacionadas

Angola: Onde estão os sindicatos no novo conselho de João Lourenço?

Convidado a integrar o novo Conselho Económico e Social de João Lourenço, o economista Carlos Rosado de Carvalho diz-se "surpreendido" com o número de...

Bancos africanos são vítimas do ‘rating’ dos países em que operam, diz Moddy’s

Em causa os efeitos e dificuldades resultantes da pandemia de covid-19. A agência de notação financeira Moody's alertou que a análise sobre a qualidade de...

Angola: “Liberdade, Justiça, Emprego, Educação”, pedem manifestantes

Centenas de angolanos saíram à rua para mostrar a sua insatisfação com o Governo e exigir mais empregos. Foi a segunda manifestação em Luanda...

Cardeal italiano demitido de Vaticano por suspeitas de desvio de fundos

O italiano Angelo Becciu, tido a data como um dos cardeais mais influentes do Vaticno, foi obrigado a renunciar ao seu cargo, devido à...

Mali: Presidente e vice-presidente de transição já tomaram posse

Esta sexta-feira, no Mali, vão tomar posse o novo presidente de transição, o general na reserva Bah N’Daw, e o novo-vice-presidente, o coronel Assimi...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.