- Publicidade-
InicioMundoÁsiaHong Kong: Polícia usa gás lacrimogéneo e canhões de água contra manifestantes

Hong Kong: Polícia usa gás lacrimogéneo e canhões de água contra manifestantes

A polícia de Hong Kong usou gás lacrimogéneo e canhões de água, pela primeira vez, num esforço para dispersar manifestantes anti-governo neste domingo, 25 de Agosto, que contou com milhares de pessoas nas ruas.

No sábado, 24, diz a VOA, as manifestações tornaram-se violentas, pela primeira vez em quase duas semanas, à medida que centenas de manifestantes, vestidos de preto e armados com tacos de basebol e paus de bambu atacaram bomba de gasolina e atiraram tijolos à polícia.

A polícia de Hong Kong usou bastões e disparou gás lacrimogéneo contra os manifestantes que se barricaram nas ruas usando protecções de bambu à porta de uma esquadra de polícia e junto a um centro comercial.

Entretanto, a China libertou o funcionário do consulado britânico, Simon Cheng, cuja detenção serviu para aumentar ainda mais a tensão. Ele foi detido por 15 dias Shenzhen, do outro lado da fronteira com Hong Kong, alegadamente por violar regras de gestão de segurança, de acordo com a polícia.

As manifestações em Hong Kong começaram em Junho com apelos dos residentes do território para que não fosse uma imposta uma lei de extradição chinesa e continuam por semanas consecutivas com apelos por democracia.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.