- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Destaques Regulamentação e corrupção são os maiores problemas no petróleo e gás em...

Regulamentação e corrupção são os maiores problemas no petróleo e gás em África

Mercado|Lusa

A incerteza na regulamentação, a corrupção e a transparência, juntamente com a competitividade global do continente africano são os três principais problemas na indústria do petróleo e gás em África, segundo a Africa Oil Week.

De acordo com um relatório sobre as Perspectivas de Evolução do Petróleo e Gás em África, lançado por esta consultora especializada em organizar grandes eventos nesta indústria, o continente representa um pouco mais de 7% da exploração de petróleo e gás mundial e, “apesar do optimismo, enfrenta grandes desafios”.

Para além da tensão comercial entre os Estados Unidos e a China, as duas maiores economias mundiais, “que está a ter um impacto negativo na economia mundial”, a Africa Oil and Week aponta que a produção interna chinesa está a abrandar e, com isso, “a necessidade de importar petróleo e gás de África”, um dos tradicionais fornecedores destas matérias-primas ao gigante asiático.

“A incerteza regulatória é um grande desafio para África”, escrevem os analistas, apontando que “as implicações das mudanças políticas e das tendências financeiras nos actores estatais africanos podem ter efeitos profundos na definição das políticas e da regulamentação”.

Para além disso, afirmam, “a corrupção e a transparência são um segundo desafio desafiante”; a corrupção “complica e prolonga o investimento e o desenvolvimento do projecto, ao mesmo tempo que aumenta o risco de operar em África para as companhias petrolíferas internacionais”.

A par das dificuldades tradicionais de investir em África, as regras mais apertadas de combate à corrupção tornaram a transparência e uma ‘due dilligence’ [informação detalhada sobre o financiamento dos negócios e parceiros comerciais] detalhada essenciais para o sucesso no continente”.

Dizer que os dois maiores produtores de petróleo na África subsaariana – Nigéria e Angola – devem lançar rondas de licitação este ano, e a Guiné Equatorial, Guiné, Uganda, Gabão e República do Congo têm rondas em curso.

Recorde-se que a próxima conferência organizada pela Africa Oil Week realiza-se na Cidade do Cabo, de 4 a 8 de Novembro, e terá dois dias dedicados a 16 países específicos, entre os quais estão Moçambique e a Guiné Equatorial.

- Publicidade -
- Publicidade -

Banqueiro António Domingues «demite-se» da vice-presidência do Banco de Fomento Angola

BNA e BFA remetem-se, «oficialmente», ao silêncio, mas fonte do topo da hierarquia da Sonangol, accionista do banco, confirma a informação em posse do...
- Publicidade -

Os segredos de Michael Jackson: Das tatuagens ocultas aos fungos que corroíam os pés do Rei da Pop

Artista usava diariamente uma peruca e sofria de anorexia o que o levava a consumir menos de uma refeição por dia. . Tatuagens ocultas, pés...

Banco central angolano aplica multas a 12 bancos por incumprimento na concessão de crédito

Multas rondam os 424 milhões de kwanzas (650 mil euros). O Banco Nacional de Angola (BNA) aplicou multas no valor de 424 milhões de kwanzas...

Portugal quer “reforçar cooperação” com Guiné-Bissau na saúde, educação e justiça

António Costa afirmou estar "empenhado em reforçar a cooperação" com a Guiné-Bissau após encontro, em Lisboa, com o seu homólogo guineense, Nuno Nabian. O primeiro-ministro...

Notícias relacionadas

Banqueiro António Domingues «demite-se» da vice-presidência do Banco de Fomento Angola

BNA e BFA remetem-se, «oficialmente», ao silêncio, mas fonte do topo da hierarquia da Sonangol, accionista do banco, confirma a informação em posse do...

Os segredos de Michael Jackson: Das tatuagens ocultas aos fungos que corroíam os pés do Rei da Pop

Artista usava diariamente uma peruca e sofria de anorexia o que o levava a consumir menos de uma refeição por dia. . Tatuagens ocultas, pés...

Banco central angolano aplica multas a 12 bancos por incumprimento na concessão de crédito

Multas rondam os 424 milhões de kwanzas (650 mil euros). O Banco Nacional de Angola (BNA) aplicou multas no valor de 424 milhões de kwanzas...

Portugal quer “reforçar cooperação” com Guiné-Bissau na saúde, educação e justiça

António Costa afirmou estar "empenhado em reforçar a cooperação" com a Guiné-Bissau após encontro, em Lisboa, com o seu homólogo guineense, Nuno Nabian. O primeiro-ministro...

JP da Maika lança novo single intitulado ‘moça’

João Paulo da Mata, nascido em Portugal e criado no bairro do Miramar em Luanda, Angola, de onde se retira o Maika no seu...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.