Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Crocodilo de Fidel Castro morde homem em Estocolmo. Vítima está hospitalizada

(Getty)

Um homem de cerca de 70 anos foi hospitalizado em Estocolmo após ter sido mordido por um crocodilo que pertenceu ao ex-presidente cubano Fidel Castro, escreve o Correio da Manhã.

O incidente aconteceu esta terça-feira durante uma festa privada no aquário Skansen, em Estocolmo, Suécia.

A vítima preparava-se para fazer um discurso quando se encostou ao recinto dos crocodilos e “pôs o braço no lado errado da barreira de proteção” tendo sido mordido pelo animal, revelou Mikael Petterson, da polícia de Estocolmo.

O animal é um dos dois crocodilos cubanos do aquário. Ambos, Castro e Hillary, foram oferecidos por Fidel Castro ao astronauta russo Vladimir Shatalov em 1978, segundo o jornal espanhol La Vanguardia. No entanto, o animal foi doado ao zoo de Moscovo, em 1981, por possuir melhores condições para o bem-estar do mesmo.

Jonas Wahlstrom, o tratador de crocodilos, afirma que o aquário vai isolar o animal para que este tipo de incidentes não voltem a acontecer.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »