- Publicidade-
InicioMundo LusófonoBrasilBrasil proíbe entrada de funcionários do regime venezuelano

Brasil proíbe entrada de funcionários do regime venezuelano

O governo brasileiro elaborará uma lista de funcionários do regime venezuelano que terão a entrada proibida no território nacional. A medida, antecipada por VEJA no início de agosto, foi confirmada em portaria publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira 19, assinada pelos ministros da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

A decisão é justificada sob a alegação de que o governo de Nicolás Maduro “contraria princípios e objetivos da Constituição Federal [Brasileira], atentando contra a democracia, a dignidade da pessoa humana e a prevalência dos direitos humanos”.

Os nomes dos funcionários de Maduro que não poderão ingressar no território brasileiro serão ainda listados pelo Ministério das Relações Exteriores e, posteriormente, encaminhado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.