- Publicidade-
InicioMundoAmérica do SulPastor evangélico da Coreia do Sul entra na corrida presidencial da Bolívia

Pastor evangélico da Coreia do Sul entra na corrida presidencial da Bolívia

O pastor evangélico sul-coreano Chi Hyun Chung é o mais novo nome das eleições presidenciais da Bolívia. Ele tentará impedir o actual presidente, Evo Morales, de conseguir sua terceira reeleição consecutiva em 20 de Outubro deste ano.

“Ele é um novo candidato, como as pessoas querem, para começar a construção de uma nova Bolívia democrática”, disse Luis Ayllón, presidente do partido de Chi, o Partido Democrata Cristão, citado pela Sputnik.

O hoje pastor e candidato presidencial chegou à Bolívia em 1992, aos 12 anos de idade, e é médico em universidades locais. Ele será o segundo candidato presidencial de origem asiática na história do país, depois que o engenheiro civil Michiaki Nagatani, filho de imigrantes japoneses, competiu contra Morales em 2005.

Até ao momento, são nove candidatos confirmados ao cargo de presidente.

Segundo pesquisas, Morales está próximo de conseguir 40% dos votos — o suficiente para ser eleito no primeiro turno. O segundo colocado nas pesquisas é o ex-presidente Carlos Mesa (2003-2005), com 24% das intenções de voto.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.