- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Outras modalidades Jogos da SARPECCO: Angola ocupa inédito lugar no pódio

Jogos da SARPECCO: Angola ocupa inédito lugar no pódio

Angop

Angola ocupou a terceira posição da 10ª edição dos Jogos da Organização Regional da Polícia da África Austral (SARPECCO), que decorreu de 3 a 13 deste mês, em Luanda, vencido pelo Zimbabwe.

Ao conquistar 28 medalhas, das quais 9 de ouro, 6 de prata e 13 de bronze, a representação anfitriã melhorou significativamente os últimos lugares da prova anterior em Eswatine (ex-Swazilândia).

Os angolanos triunfaram, principalmente, no futebol feminino, voleibol masculino, e xadrez, ambos os sexos, que permitiu subir ao pódio da classificação geral.

O Zimbabwe, que revalida o título, arrecadou 64 medalhas, entre 19 de ouro, 25 de prata e 20 de bronze, seguido pela Namíbia, com 31, das quais 16, 8 e 7.

A safra é completada por Moçambique, com 8, sendo 3 de ouro, 1 de prata e 4 de bronze, a Zâmbia (81), 8 (1,4 e 3), a África do Sul (111), 6 (2, 2 e 2), Botswana (4), 0, 3 e 1, e Eswatini, com 3 (1,1 e 1). O trofeus de “Fair Play” foi atribuído a delegação de Moçambique.

O encerramento da competição, no estádio dos Coqueiros, foi marcado com o triunfo da Namíbia sobre o Zimbabwe, por 4-1, ao penaltes, em futebol, seguindo de entrega de medalhas e troféus, marcha de efectivos da Policia Nacional e desfila das delegações participantes.

Na ocasião, o comandante geral da Polícia Nacional, Paulo Gaspar de Almeida, reiterou os benefícios resultantes do encontro de Luanda, que permitiu o fortalecimento das relações dos efectivos e capacidade de cooperação no combate ao crime e manutenção da ordem e tranquilidade dos países da região.

Posição idêntica, foi manifestada pelo chefe do bureau regional de Harare e coordenador da Interpol, Mubita Nawa, que elogiou a capacidade organizativa da instituição angolana e o contributo dos jogos no desenvolvimento do desporto da região e do continente.

A prova, que contou com 866 atletas em representação de oito estados da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC), envolveu as modalidades de futebol, voleibol, Netbol, atletismo, dardo e xadrez. A próxima edição acontece três anos depois, em país ainda por determinar.

Os Jogos passados de Eswatini, com a presença de 15 países, foram vencidos pelos polícias do Zimbabwe.

A SARPCCO foi fundada, em 1995, por onze países, designadamente Angola, Botswana, Lesotho, Malawi, Moçambique, Namíbia, África do Sul, Swazilândia (Eswatini), Tanzânia, Zâmbia e Zimbabwe.

- Publicidade -
- Publicidade -

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...
- Publicidade -

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Notícias relacionadas

Jornalistas e manifestantes alvo de violência policial

Foram soltos os jornalistas detidos no sábado em Luanda, Angola, numa manifestação organizada por um grupo de jovens com o apoio do maior partido...

Filipe Nyusi diz que diálogo com a autoproclamada Junta Militar da Renamo já começou

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, revelou na manhã desta quarta-feira, 28, estar em curso o diálogo entre o Governo e a autoproclamada Junta Militar...

Erdoğan apela ao boicote de produtos franceses

Na Síria, no Iraque ou no Paquistão: As manifestações contra o presidente Emmanuel Macron e o governo francês repetem-se um pouco por todo o...

Activistas detidos no dia 24 no Uíge denunciam maus-tratos e violações de direitos humanos

Eles foram libertados depois de condenados a pagar 200 mil kwanzas de multas. Os activistas políticos e cívicos detidos no sábado, 24, na província angolana...

Protestos contra limitação ao aborto legal

Os protestos voltaram às ruas de várias cidades da Polónia. Pelo quinto dia consecutivo, milhares de polacos manifestaram o desagrado contra a decisão do Tribunal...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.