- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Outras modalidades Jogos da SARPCCO: Angola arrebata prata no corta-mato

Jogos da SARPCCO: Angola arrebata prata no corta-mato

Angop

A selecção nacional de atletismo arrebatou hoje (segunda-feira) a medalha de prata no corta-mato por equipa, em feminino, da 10ª edição dos Jogos da Organização Regional da Polícia da África Austral (SARPCCO), que decorrem em Luanda.

O feito por equipa deveu-se a integração da angolana, Ernestina Paulino no pódio, onde ficou com a medalha de bronze, com o tempo de uma hora: 07 minutos.01segundos e da fundista Adelaide Machado assegurou o quarto posto (uma hora: 07min.40segs), num universo de 21 atletas.

Deste leque, o combinado nacional foi a mais representada com seis, superando a África do Sul e Zimbabwe com cada cinco fundistas.

A Namíbia, cuja corredora Lavinya Haitop, venceu a prova (1h:06min.37segs) e ficou com a medalha de ouro em equipa e em individual, ao passo que o Zimbabwe, cuja sua atleta Olivia Chitate conquistou a medalha de prata em individual (01h:06min.54segs), quedou-se em terceiro na classificação por equipa.

Na classe masculina, o país ficou com medalha de bronze em equipa, no entanto a nível individual esteve distante do pódio, acabando se posicionar no 13º lugar, com Basto Filipe (1h:01min.09segs), da maratona que contou com 34 polícias.

O ouro em equipa ficou com o Zimbabwe que viu os seus representantes Ncurbe Ngoniozashe (56mi.22seg) e Isaac Mpufu (56min.37seg) primeiro e segundo colocados na tabela, respectivamente.

A Namíbia levou o bronze, fruto do seu fundista Kadhingum Matheus (57 min. 29 segs) posicionar-se em terceiro no quadro individual.

O evento encerra terça-feira com o jogo de futebol entre a Namíbia-Zâmbia.

Fundada em 1995, os jogos da SARPCCO tem com objectivo fortalecer as relações a nível da polícia da região austral do continente.

Participam nesta edição onze países, designadamente Angola, Botswana, Lesotho, Malawi, Moçambique, Namíbia, África do Sul, Eswatini (ex-Swazilândia), Tanzânia, Zâmbia e Zimbabwe.

- Publicidade -
- Publicidade -

Protesto em Luanda: Isabel dos Santos apela por libertação de manifestantes

Empresária usou a hashtag #trabalhandoporangola para expressar no Twitter a sua indignação com a detenção dos manifestantes em Luanda. Organizadores convocam manifestação para 11...
- Publicidade -

Vai começar outra história para o petróleo de Angola?

O decreto presidencial que obriga as petrolíferas internacionais a contratarem serviços e quadros angolanos foi recebido com um sentimento misto. Uns aplaudem esta “angolanização”,...

Polícia dispersa protesto junto ao Tribunal Provincial de Luanda

Cerca de uma centena de pessoas que exigiam a libertação dos manifestantes detidos no sábado (24.10) foram dispersadas com gás lacrimogéneo pela polícia angolana....

João Lourenço no mais importante fórum empresarial de África a convite do Instituto Tony Blair

O Presidente João Lourenço vai estar ao lado ex-primeiro ministro britânico Tony Blair, no dia 5 de Novembro, para participar no Africa Debate, o...

Notícias relacionadas

Protesto em Luanda: Isabel dos Santos apela por libertação de manifestantes

Empresária usou a hashtag #trabalhandoporangola para expressar no Twitter a sua indignação com a detenção dos manifestantes em Luanda. Organizadores convocam manifestação para 11...

Vai começar outra história para o petróleo de Angola?

O decreto presidencial que obriga as petrolíferas internacionais a contratarem serviços e quadros angolanos foi recebido com um sentimento misto. Uns aplaudem esta “angolanização”,...

Polícia dispersa protesto junto ao Tribunal Provincial de Luanda

Cerca de uma centena de pessoas que exigiam a libertação dos manifestantes detidos no sábado (24.10) foram dispersadas com gás lacrimogéneo pela polícia angolana....

João Lourenço no mais importante fórum empresarial de África a convite do Instituto Tony Blair

O Presidente João Lourenço vai estar ao lado ex-primeiro ministro britânico Tony Blair, no dia 5 de Novembro, para participar no Africa Debate, o...

A pedido de João Lourenço Parlamento aprova propostas para agravar penas no novo Código Penal

Com 176 votos a favor e duas abstenções (CASA-CE), a Assembleia Nacional aprovou hoje, na generalidade, as propostas de alteração ao Código Penal Angolano,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.