Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Francisca Van Dunem: “A comunidade negra sente-se desrespeitada, menorizada”

Francisca Van Dunem afirma que o racismo é ainda a matriz da nossa sociedade (DR)

Expresso

É há quatro anos ministra da Justiça e a primeira mulher negra no Governo português. Francisca Van Dunem não tem dúvidas da importância simbólica do cargo para os africanos em Portugal. E afirma que o racismo é ainda a matriz da nossa sociedade

Na hora de escolher, a ministra da Justiça não hesitou nos gelados: pistácio e múcua. Pistácio, o sabor da sua “infância feliz”. Múcua, o fruto do embondeiro, árvore típica de Angola, o país onde nasceu. A conversa foi no seu gabinete, de gelado na mão.

Passaram cinco anos desde o início do ‘Processo Marquês’ sem haver ainda uma decisão judicial. Não a angustia tanta morosidade?
Gostava que todos os processos fossem mais céleres, em particular aqueles que geram intranquilidade e desconfiança no sistema de justiça, o que é dramático. Um dos grandes problemas da Justiça é o afastamento dos cidadãos.
Ainda há o sentimento de que não há justiça em Portugal…
As pessoas ainda acham que há uma justiça para ricos e outra para pobres.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »