Portal de Angola
Informação ao minuto

Volta a Portugal: Equipa angolana conta com 4 corredores

A equipa BAI-Sicasal-Petro de Luanda no meio do pelotão com camisolas amarelas. (NUNO VEIGA/LUSA)

RFI | Marco Martins

A Volta a Portugal entrou na recta final, faltando apenas quatro etapas para o fim da prova. Neste momento a única equipa angolana, BAI-Sicasal-Petro de Luanda, presente na Volta conta apenas com quatro ciclistas dos sete inscritos no início da corrida.

A maior prova ciclista portuguesa, a Volta a Portugal, termina no domingo 11 de Agosto no Porto, faltando apenas quatro etapas com a desta quinta-feira entre Bragança e Montalegre, com final na Serra do Larouco.

A camisola amarela pertence ao espanhol Gustavo Veloso da equipa portuguesa W52-FC Porto, que tem 15 segundos de vantagem sobre o colega de equipa, o português João Rodrigues, e 22 segundos de vantagem sobre o espanhol Vicente García de Mateos da equipa lusa Aviludo-Louletano.

Quanto aos atletas da equipa angolana BAI-Sicasal-Petro de Luanda, seguem nos seguintes lugares: o português Micael Isidoro ocupa o 32° lugar, o luso Diogo Duarte está na 94ª posição, enquanto os angolanos Dário Manuel António e Gabriel Dala Cole ocupam respectivamente os lugares 102 e 110.

A equipa que perdeu dois corredores na etapa de quarta-feira, dois atletas angolanos que desistiram: José Cruz Kussengue Tuto e Bruno César do Amaral de Araújo, este último sendo o Campeão nacional de Angola.

Nas etapas anteriores o franco-português Guillaume Almeida também tinha desistido por causa de uma lesão.

Em entrevista à RFI Dário António, Campeão nacional de contra-relógio, fez um balanço da prova até agora a nível pessoal, ele que já tinha participado na Volta a Portugal.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »