- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Moçambique Fome severa afecta 400 mil pessoas em Sofala

Fome severa afecta 400 mil pessoas em Sofala

VOA | Ramos Miguel

Mais de 400 mil pessoas enfrentam uma situação de fome severa na província central moçambicana de Sofala, provocada por mudanças climáticas e cujos efeitos se fazem sentir sobretudo na produção agrícola.

A maior parte das pessoas que sofrem da fome esgotou as suas reservas alimentares, revela o director provincial de Agricultura e Segurança Alimentar em Sofala.

Adérito Mavie realçou que “estamos a falar de 417 mil pessoas que devem merecer atenção ao nível do Governo, no sentido de assegurar que estas pessoas tenham alimentos para a sua sobrevivência”.

As mudanças climáticas, que resultam na escassez de chuvas e em ciclones, ou outros fenómenos, estão na origem da fraca produção de alimentos, não só em Sofala como também noutras províncias moçambicanas.

Entretanto, o economista João Mosca reconhece o impacto das mudanças climáticas sobre a agricultura, mas considera que a falta de investimentos significativos em infraestruturas agrava os problemas no sector.

“O Estado devia apostar muito em regadios”, conclui.

- Publicidade -
- Publicidade -

Paulo de Carvalho: Professores devem ser avaliados anualmente

Uma língua é um património social, não dependendo de caprichos de ninguém a sua alteração. Concorda com essa afirmação, que, aliás, é uma das...
- Publicidade -

TC confirma auditoria à gestão do BPC

O Tribunal de Contas (TC) admitiu, este sábado, a realização de auditoria à gestão do Banco de Poupança e Crédito (BPC), mas negou que...

MPLA “afina” máquina para próximos desafios eleitorais

O MPLA está a apostar na melhoria da sua máquina organizativa e no aperfeiçoamento da capacidade de mobilização, para enfrentar e vencer os desafios...

Caso 900 milhões: Irene Neto com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Notícias relacionadas

Paulo de Carvalho: Professores devem ser avaliados anualmente

Uma língua é um património social, não dependendo de caprichos de ninguém a sua alteração. Concorda com essa afirmação, que, aliás, é uma das...

TC confirma auditoria à gestão do BPC

O Tribunal de Contas (TC) admitiu, este sábado, a realização de auditoria à gestão do Banco de Poupança e Crédito (BPC), mas negou que...

MPLA “afina” máquina para próximos desafios eleitorais

O MPLA está a apostar na melhoria da sua máquina organizativa e no aperfeiçoamento da capacidade de mobilização, para enfrentar e vencer os desafios...

Caso 900 milhões: Irene Neto com contas congeladas e bens apreendidos em Angola

A Procuradoria-Geral da República (PGR) confirmou hoje ao Novo Jornal que as contas de Irene Neto, filha do primeiro Presidente de Angola, Agostinho Neto,...

Cidadão mata amigo após desentendimento

Uma briga entre amigos resultou na morte, com bloco de construção civil, de um adolescente de 17 anos de idade, praticado por outro já...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.