- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
InicioAngolaSociedadeJovem detido no Sequele por posse de 150 placas electrónicas

Jovem detido no Sequele por posse de 150 placas electrónicas

Um jovem foi detido, há cinco dias, pela Polícia, no Distrito Urbano do Sequele, município de Cacuaco, em Luanda, por posse de 150 placas electrónicas de viaturas de várias marcas e modelos, escreve o JA.

Algumas das placas electrónicas foram encontradas na posse do marginal e outras recuperadas em locais que o mesmo indicou e que serviam para esconder acessórios de viaturas que furtava em várias áreas do Distrito Urbano do Sequele.

As marcas e modelos preferenciais do assaltante são Toyota Prado, Hilux e Hiace, Hyundai Accent e Suzuki Celerio, explicou, terça-feira, ao Jornal de Angola uma fonte policial, que disse estar o meliante detido na cela de uma das esquadras da cidade do Sequele, de onde vai ser transferido para a cadeia de Viana.

O assaltante foi detido na sequência de diligências feitas por agentes da Polícia Nacional e do Serviço de Investigação Criminal (SIC).

A fonte garantiu que o trabalho vai continuar para a detenção de mais autores de furto de acessórios de viaturas no Distrito Urbano do Sequele, cuja sede é a cidade com o mesmo nome.

A garantia é do comandante da primeira esquadra do Distrito Urbano do Sequele, inspector-chefe Ângelo Jaime Simão, que pediu aos moradores que colaborem com denúncias.

O furto de placas electrónicas em viaturas está entre os crimes mais registados pela Polícia no Distrito Urbano do Sequele, disse o inspector-chefe, que reconheceu estarem os marginais a tirar o sono aos moradores.

Ângelo Jaime Simão pediu aos proprietários de viaturas, que ficaram sem placas electrónicas e que tenham feito participação, para se deslocarem à primeira esquadra do Sequele para a identificação dos acessórios recuperados e posterior levantamento.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.