Portal de Angola
Informação ao minuto

Autoridades de Malanje em alerta na fronteira com a RDC devido ao ébola

O vírus ébola já matou mais de 500 pessoas nos últimos seis meses na República Democrática do Congo (RDC) (DR)

VOA

O vice-governador para o Sector Político, Social e Económico da província angolana de Malanje, Domingos Manuel Eduardo, encabeça uma delegação que se encontra nesta quinta-feira, 8, no município de Massango, a avaliar formas de prevenir que a epidemia de ébola na República Democrática do Congo (RDC) chegue à província.

O director do Gabinete Provincial de Saúde, Avantino Sebastião, admitiu ter informações que confirmam o envio para aquela cidade, que dista 325 quilómetros da cidade de Malanje, de “kits de biossegurança e outros equipamentos necessários” para combater eventuais casos da doença.

Malanje faz fronteira com a RDC, através dos municípios de Massango e Marimba, numa extensão de 147 quilómetros ao longo do rio Cuango.

Naqueles dois municípios, centenas de crianças atravessam o rio e estudam no país vizinho, diariamente, e os angolanos também compram no país vizinho alimentos, serviços médicos e medicamentos.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) que declarou o estado de emergência internacional, confirma o registo diário de 12 novos de casos de ébola na RDC e a morte de mais de 1.500 mortes desde o início da epidemia.

A OMS já alertou Angola para tomar medidas no sentido de evitar a entrada da doença no país.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »