- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Futebol Futebol: FAF notifica Bravos do Maquis

Futebol: FAF notifica Bravos do Maquis

Angop

A Federação Angolana Futebol (FAF) vai notificar na próxima quarta-feira o FC Bravos do Maquis, para averiguação, com base em resultados de testes médicos, o real estado de saúde do ex-avançado Fundo Martins, falecido domingo, por problema cardíaco.

O facto foi avançado nesta terça-feira, em Luanda, pelo presidente do conselho de disciplina da FAF, José Carlos Miguel, acrescentando ser objectivo inteirar-se sobre os resultados dos testes médicos, uma vez que o atleta jogaria pelo clube do Moxico.

Fundo Martins, que representou em 2017 o Kabuscorp do Palanca, morreu domingo quando disputava um torneio de rua, organizado pela cervejeira Cuca.

Durante o jogo, disputado no município do Cazenga, o atleta de 24 anos de idade caiu inanimado e ainda foi transportado para uma unidade hospitalar local, onde chegou já sem vida.

Não se trata de um caso isolado no desporto nacional. Em Setembro de 2009, o jogador Neridson Estevão morreu, também por ataque cardíaco, no município de Cacongo (Cabinda), após ter caído em campo durante uma partida entre a sua equipa, o Progresso do Sambizanga, e o Benfica de Cabinda.

Outro caso deu-se em 2018 na província da Lunda Norte. Ntanka Zibakaka, atleta do Sagrada Esperança, caiu durante um treino físico na praia e teve morte súbita.

Neste seguimentos, a FAF tem orientado aos clubes a munirem as respectivas equipas médicas de um Desfibrilador, equipamento que tem como função descarregar cargas eléctricas na parede torácica (se for externo) ou nas fibras musculares do coração (se interno) de um paciente que se encontra em quadro de arritmia cardíaca.

O aparelho tem como objectivo reverter quadro da pessoa em causa de maneira que não haja perda ou danos em funções cardíacas e cerebrais.

- Publicidade -
- Publicidade -

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...
- Publicidade -

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Notícias relacionadas

[Análise] Como estão os líderes empresariais africanos a lidar com a crise do coronavírus?

Pessimismo no futuro imediato, mas confiança no futuro do continente a longo prazo: esta é a conclusão da segunda edição do barómetro sobre o...

China garante que OMS deu aval ao uso de vacinas que ainda estão em estudo

As autoridades chinesas dizem que a Organização Mundial da Saúde deu apoio e aceitou a administração de vacinas experimentais que estão a ser desenvolvidas...

Covid-19: Grupo de 34 reclusos infetados foge de prisão no Brasil

Um grupo de 34 presos, infetados com covid-19, fugiu esta terça-feira através de um túnel de uma prisão no Brasil, com graves problemas de...

Zimbabwe aceita devolver terras a fazendeiros brancos

O Governo zimbabweano está a elaborar um plano para possibilitar a devolução, a milhares de fazendeiros brancos, das terras que lhes foram violentamente retiradas...

Inacom e parceiros criam plataforma de diálogo

O Instituto Angolano das Comunicações (INACOM), as operadoras e as associações dos consumidores, decidiram, a partir desta quinta-feira, em Luanda, a criação de uma...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.