- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Moçambique Polícia moçambicana suspende férias para garantir ordem nas eleições

Polícia moçambicana suspende férias para garantir ordem nas eleições

Angop

A Polícia da República de Moçambique (PRM) suspendeu as férias de todos os agentes para garantir a ordem e segurança públicas durante as eleições gerais de 15 de Outubro, noticiou a imprensa local.

“Desde já, as férias estão suspensas. Somos todos convocados a trabalhar no cumprimento da implantação do plano operativo de segurança para as eleições gerais”, afirmou o comandante-geral, Bernardino Rafael, citado hoje pelo Notícias.

O comandante-geral da PRM não especificou o tempo de duração da suspensão das férias dos agentes da lei e ordem, assegurando apenas que “findo o processo eleitoral, será retomada a normalidade”.

Ao todo, vão ser mobilizados 40 mil agentes para garantir a segurança durante o processo eleitoral.

Segundo o comandante, a PRM está apta a executar em pleno o plano de segurança traçado para as eleições, que compreende desde o transporte e controlo do material de votação até à tomada de posse dos novos dirigentes.

Moçambique terá a 15 de Outubro deste ano as sextas eleições gerais da sua história, compreendendo as presidenciais, legislativas e provinciais, que, pela primeira vez, vão eleger governadores das 10 províncias do país.

- Publicidade -
- Publicidade -

Covid-19: Angola notifica 82 novos casos e 85 recuperações

O quadro estatístico nacional registou, nas últimas 24 horas, mais 82 novas infecções, quatro óbitos e 85 pacientes recuperados. Dos novos casos, segundo o secretário...
- Publicidade -

Uíge: Bloco Operatório paralisado desde a construção em 2015

O bloco operatório do Hospital Municipal do Uíge, localizado no bairro Candombe Velho, não funciona desde 2015, por falta de cirurgião, revelou ao Jornal...

Presidente Trump refuta denúncias de que pagou 750 dólares de impostos pessoais em 2016 e 2017

O Presidente Donald Trump pagou apenas 750 dólares em impostos de federais no ano em que concorreu à Presidência, 2016, e no seu primeiro...

Gâmbia: Permanência de missão da CEDEAO gera controvérsia

O prolongamento da presença da ECOMIG até 2021 na Gâmbia está a dividir opiniões. O Presidente justifica que precisa de protecção pessoal, mas cidadãos...

Notícias relacionadas

Covid-19: Angola notifica 82 novos casos e 85 recuperações

O quadro estatístico nacional registou, nas últimas 24 horas, mais 82 novas infecções, quatro óbitos e 85 pacientes recuperados. Dos novos casos, segundo o secretário...

Uíge: Bloco Operatório paralisado desde a construção em 2015

O bloco operatório do Hospital Municipal do Uíge, localizado no bairro Candombe Velho, não funciona desde 2015, por falta de cirurgião, revelou ao Jornal...

Presidente Trump refuta denúncias de que pagou 750 dólares de impostos pessoais em 2016 e 2017

O Presidente Donald Trump pagou apenas 750 dólares em impostos de federais no ano em que concorreu à Presidência, 2016, e no seu primeiro...

Gâmbia: Permanência de missão da CEDEAO gera controvérsia

O prolongamento da presença da ECOMIG até 2021 na Gâmbia está a dividir opiniões. O Presidente justifica que precisa de protecção pessoal, mas cidadãos...

Mais de 700 pessoas suicidaram-se nos últimos seis meses, revela SIC

Setecentas e trinta e nove pessoas cometeram suicídio em todo o País, entre Janeiro e Junho deste ano, com uma média de 123 casos...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.