Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Morreu Toni Morrison, prémio Nobel de Literatura

Primeira afro-americana a ganhar o principal galardão da literatura mundial (DR)

VOA

A escritora americana Toni Morrison, vencedora do Prémio Nobel de Literatura em 1983, morreu aos 88 anos de idade na noite de segunda-feira, 5, revelou nesta terça-feira, a sua editora Knopf, no Twetter.

“Toni Morrison morreu de forma tranquila na noite passada rodeada da sua família e amigos. Era uma mãe, avó e tia extremamente devota, que se regozijava por estar com a sua família e amigos. A escritora consumada que valorizava a palavra escrita, fosse a sua, a dos seus alunos ou de outros, lia de forma voraz e passava maior parte do tempo em casa quando escrevia”, acrescentou a família num comunicado.

O seu editor de longa data Robert Gottlieb, da Knopf, escreveu: ” Ela era uma óptima mulher e uma grande escritora, e eu não sei do que sentirei mais falta”.

Por seu lado, o presidente da editora, Sonny Mehta, disse que “poucos escritores americanos escreveram com mais humanidade ou com mais amor que Toni”.

“As narrativas e a prosa fascinantes fizeram dela uma marca indelével na nossa cultura”, concluiu Mehta.

Natural de Ohio, Morrison nasceu a 18 de Fevereiro de 1931 e foi a primeira afro-americana a ganhar o Nobel..

A escritora, que se estreou como romancista em 1970 com “O olho mais azul”, ficou mundialmente conhecida com o livro vencedor do prémio Pulitzer de 1987, “Beloved (Amada)”, mais tarde adaptado a um filme de 1998, que teve como protagonistas Oprah Winfrey e Danny Glover.

Em 2012, o Presidente Barack Obama concedeu-lhe a Medalha Presidencial da Liberdade.

Entre outras obras conhecidas, estão “Sula” (1973), que lhe rendeu a indicação ao National Book Award, um dos principais prémios literários dos Estados Unidos, “Amor”, “Quem leva a melhor?” (infantil, em coautoria com Slade Morrison), “Jazz”, “Compaixão”, “Voltar para casa” e “Deus ajude essa criança”.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »