- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Moçambique Negada liberdade provisória à Helena Taipo

Negada liberdade provisória à Helena Taipo

Folha de Maputo

O Tribunal Supremo (TS) indeferiu, quinta-feira, o pedido de liberdade provisória requerido pela defesa de Maria Helena Taipo, detida a 16 de Abril último no âmbito de um processo desencadeado pelo Gabinete Central de Combate à Corrupção (GCCC).

Com este indeferimento a ex-Ministra do Trabalho e Embaixadora de Moçambique em Angola, vai continuar na prisão à espera que se cumpram os procedimentos que a levarão a responder em juízo num processo de corrupção em que é indiciada de ter recebido, indevidamente, mais de 100 milhões de meticais do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS), em 2014, numa altura em que desempenhava funções de Ministra do Trabalho, e tinha o INSS como instituição sob tutela do seu pelouro.

Neste processo, Helena Taipo, cuja prisão foi já legalizada pelo Tribunal Judicial da Cidade de Maputo, tem mais cinco pessoas como co-arguidas. Uma delas é Lúcio Sumbana, que responde em liberdade depois de ter pago uma caução no valor de 850 mil meticais.

A ex-governante dirigiu o Ministério do Trabalho no período entre 2004 e 2014, tendo, supostamente, se envolvido em esquemas de corrupção no último ano do seu mandato.

- Publicidade -
- Publicidade -

Governador apela ao rigor e profissionalismo na saúde

O governador do Namibe, Archer Mangueira, apelou, na sexta-feira, aos quadros da saúde rigor, profissionalismo e um atendimento mais humanizado dos utentes das unidades...
- Publicidade -

Agostinho Neto é marca indelével da política angolana

Agostinho Neto marca indelevelmente a política angolana e é o ponto de partida da evolução desta, tendo proclamado a independência de Angola em 11...

Corrida à presidência do CPA com candidato único

As eleições no Comité Paralímpico Angolano (CPA) para o quadriénio 2020/24 terão apenas um candidato, Leonel da Rocha Pinto, fazendo jus à história desde...

Zaire: Baleia de seis metros encontrada morta no Nzeto

Uma baleia com seis metros de comprimento foi encontrada morta sexta-feira, na baía da comuna da Musserra, município do Nzeto, na província do Zaire. O...

Notícias relacionadas

Governador apela ao rigor e profissionalismo na saúde

O governador do Namibe, Archer Mangueira, apelou, na sexta-feira, aos quadros da saúde rigor, profissionalismo e um atendimento mais humanizado dos utentes das unidades...

Agostinho Neto é marca indelével da política angolana

Agostinho Neto marca indelevelmente a política angolana e é o ponto de partida da evolução desta, tendo proclamado a independência de Angola em 11...

Corrida à presidência do CPA com candidato único

As eleições no Comité Paralímpico Angolano (CPA) para o quadriénio 2020/24 terão apenas um candidato, Leonel da Rocha Pinto, fazendo jus à história desde...

Zaire: Baleia de seis metros encontrada morta no Nzeto

Uma baleia com seis metros de comprimento foi encontrada morta sexta-feira, na baía da comuna da Musserra, município do Nzeto, na província do Zaire. O...

MPLA denuncia campanhas contra Angola

O Bureau Político do MPLA denunciou, neste sábado, as campanhas de intoxicação movidas contra as instituições do Estado angolano e o Presidente da República,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.