- Publicidade-
InicioAngolaRegiõesDocente quer línguas nacionais no ensino primário

Docente quer línguas nacionais no ensino primário

A inclusão da cadeira de Língua Nacional Kimbundu a partir do nível primário prepararia o estudante para compreender melhor a disciplina no ensino médio e superior, afirmou, o docente da língua Kimbundu, Diodato Manuel Bote.

De acordo com a Angop, a pretensão foi defendida na Feira da Língua Nacional Kimbundu promovida pelo Magistério Kimamuenho, sublinhando que a inserção das línguas nacionais no sistema de ensino facilita a afirmação da identidade, comunicação e a preservação de valores culturais.

O português, língua oficial do país, é a única língua obritatória no sistema nacional de ensino.

No Diodato Bote considerou positivo o aproveitamento dos 398 estudantes da 10ª a 13ª classe que frequentam aulas de Kimbundu no Magistério Kimamuenho, estimado 80 por cento no segundo trimestre deste ano lectivo.

O Magistério Kimamuenho, ensino médio, e a Escola Superior Padagógica são as únicas instituições na província do Bengo que têm a língua nacional Kimbundu como disciplina.

O projecto da implementação da disciplina de Línguas Nacionais no currículo escolar, sobretudo no ensino primário no país, é do Ministério da Educação, que começou a vigorar a partir de 2007.

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.