InicioAngolaSociedadeBispo tocoísta quer um novo paradigma para África

Bispo tocoísta quer um novo paradigma para África

O bispo Tocoísta, Afonso Nunes, disse hoje, quinta-feira, em Luanda, que quer uma igreja engajada na mensagem de uma África em contínua descoberta, com um novo paradigma nas relações com outros continentes.

De acordo com Angop, o líder religioso, que discursava na abertura da conferência internacional sobre ” A importância do Espírito Santo na vida das populações africanas”, referiu que a igreja tem a responsabilidade de libertar a consciência no sentido de as novas gerações possam ter um continente livre da dominação económica e de pressões externas.

Afonso Nunes entende ainda que a igreja africana precisa debater temas que possam também ajudar os governantes na missão de bem-fazer para o benefício do povo e das famílias.

“É triste olharmos que nós africanos morremos por causa da fome e da seca, enquanto temos todos os recursos para se evitar esses males”, sublinhou.

A conferência, que termina sexta-feira, enquadra-se nas comemorações dos 70 anos da fundação da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo (Tocoísta), que se assinala a 25 de Julho.

No evento, os participantes estão a abordar temas como “O Espírito Santo como guia e força consoladora”, “Efusão do Espírito Santo em África, consequências e implicações” e “A Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo e o Espírito Santo, um caso particular”.

A Igreja Tocoísta foi relembrada a 25 de Julho de 1949, pelo profeta Simão Gonçalves Toco e implantada em cerca de 40 países de África, Europa, América e Ásia.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.