Portal de Angola
Informação ao minuto

Morreu o diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atómica

Yukiya Amano (DR)

Morreu Yukiya Amano, diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atómica. O diplomata japonês tinha 72 anos e desde setembro do ano passado que se apresentava com uma saúde frágil, avança a Euronews.

Estava à frente do regulador desde 2009 e tinha mais dois anos de mandato.

Amano esteve activamente empenhado no acordo nuclear com o Irão que foi entretanto denunciado – primeiro por Washington e depois por Teerão.

O vice-ministro iraniano dos Negócios Estrangeiros veio já lamentar a morte do diplomata japonês a quem elogia a competência.

Federica Mogherini, a chefe da diplomacia europeia, elogia-lhe a “dedicação e profissionalismo ao serviço da comunidade e de uma forma imparcial”.

É conhecido por ter imprimido uma postura técnica ao cargo, muito diferente do seu antecessor, o egípcio Mohamed ElBaradei que recebeu o Prémio Nobel da Paz em 2005.

Desconhece-se ainda quem vai agora ocupar o lugar.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »