Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Comité Central da Frelimo aprova hoje manifesto para eleições de Outubro

Os partidos da oposição em Moçambique não têm tirado vantagens dos vários problemas de governação que o país enfrenta (DR)

DN|Lusa

O Comité Central da Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo), partido no poder, reúne-se hoje para aprovar o manifesto para as eleições gerais de 15 de outubro.

O Comité Central reúne-se em sessão extraordinária, na cidade da Matola, província de Maputo, tendo como ponto único a aprovação do manifesto eleitoral da Frelimo, partido presidido por Filipe Nyusi, chefe de Estado moçambicano.

O documento a ser adotado por aquele órgão partidário vai nortear os discursos de campanha rumo às eleições gerais de 15 de outubro e dar corpo aos instrumentos de governação da Frelimo, em caso de vitória no escrutínio.

As eleições gerais vão compreender a presidencial, legislativas e assembleias provinciais, que pela primeira vez vão escolher os governadores das 10 províncias do país.

O sufrágio será o sexto na história de Moçambique, desde a aprovação de uma Constituição multipartidária em 1990.

Leia Também: Nyusi condena atrasos na conclusão de obras públicas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »