Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Procurador-Geral da República admite falta de condições nas cadeias

Hélder Pitta Gróz (DR)

O Procurador- Geral da República, Hélder Pitta Grós, admitiu hoje, sexta-feira, a falta de condições para a manutenção dos reclusos albergados nas cadeias do Uíge, (Comarca do Congo, na capital provincial, e a de Kindoki, no município de Negage).

Pitta Grós, que visitou as cadeias, para constatar a situação dos direitos da população prisional, durante os dois dias de trabalho a província do Uíge, apontou como principais dificuldades encontradas a inexistência de mais áreas para a ocupação profissional e lazer dos presos e outros espaços para a reintegração .

Disse receber garantias das autoridades, de que estão em curso esforços do Ministério do Interior, que tutela os Serviços Penitenciários, para em breve reverter o quadro, tendo por outro lado, se manifestado satisfeito com a inexistência de casos de excesso de prisão preventiva nas duas unidades, devido empenho dos magistrados do Ministério Público.

Mostrou-se igualmente preocupado com o elevado número de jovens em situação carcerária e, sendo estes a força activa do país, para o efeito, realçou para a necessidade de se encontrarem as vias para que lhes seja restituída a liberdade, de acordo a lei.

“Há muitos jovens nestes estabelecimentos e que temos que encontrar uma forma de ultrapassar esta situação, uma vez que eles são importantes para darem a sua contribuição para o progresso do país”, reforçou o Procurador-Geral da República.

Anunciou ainda para o próximo mês de Agosto, o reforço de mais sete Magistrados para cobrirem a actividade da magistratura em alguns municípios da província.

Durante a sua permanência no Uíge, Pitta Grós, manteve encontros separados com o governador provincial, Pinda Simão, magistrados do Ministério Público e judicial, funcionários Administrativos e técnicos do órgão, tendo visitado ainda à PGR local e o SIC.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »