- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Europa Procuradoria solicita julgamento da Air France por acidente com voo Rio-Paris

Procuradoria solicita julgamento da Air France por acidente com voo Rio-Paris

A Procuradoria de Paris solicita um julgamento contra a companhia aérea Air France e o encerramento do processo no caso da Airbus, após a investigação sobre o acidente com o voo Rio-Paris que matou 228 pessoas em 2009, informaram nesta quarta-feira (17) à AFP fontes concordantes.

Segundo avança a AFP, a Procuradoria considera que a companhia aérea “foi negligente e imprudente” por não ter fornecido aos seus pilotos informações suficientes sobre o procedimento a ser adoptado em caso de anomalias relacionadas às sondas que permitem controlar a velocidade da aeronave, após vários incidentes do mesmo tipo nos meses que antecederam o desastre, de acordo com a sua recomendação datada de 12 de Julho.

Por outro lado, estima que não há acusações fortes suficientes contra a fabricante da aeronave para um julgamento.

Cabe agora aos juízes de instrução decidir se vão seguir essas requisições e ordenar um julgamento apenas para a companhia aérea.

Em 1º de Junho de 2009, o voo AF447 caiu no Oceano Atlântico. Os 228 passageiros e tripulantes de 34 nacionalidades morreram no acidente, o mais mortífero da história da Air France.

Nessa batalha judicial, que está em andamento há mais de dez anos, as duas empresas foram indiciadas em 2011 por “homicídios culposos”.

Início do desastre: a formação de gelo em pleno voo nas sondas Pitot que levou a uma interrupção das medições de velocidade do Airbus A330 e desorientou os pilotos até que o avião parasse.

As duas caixas-pretas do AF447 foram resgatadas após quase dois anos submersas a 3.900 metros de profundidade no local onde a aeronave afundou.

A investigação provocou uma verdadeira batalha entre especialistas para estabelecer as responsabilidades na queda da aeronave. As partes civis pressionam para que a Airbus e a Air France sejam julgadas.

Em 2012, a primeira expertise apontou para erros da tripulação, problemas técnicos e falta de informações dos pilotos no caso de congelamento das sonda, apesar dos incidentes anteriores relatados à Airbus.

A fabricante pediu então uma segunda expertise, que se concentrou principalmente numa “reacção inadequada da tripulação” e nas deficiências da Air France.

Considerando este segundo relatório muito favorável à Airbus, parentes das vítimas e a companhia aérea atacaram a contra-expertise perante a Corte de Apelação de Paris, que ordenou sua anulação e a reabertura da investigação.

A última contra-expertise, apresentada em Dezembro de 2017, voltou a provocar indignação das partes civis. Os especialistas reafirmaram que a “causa directa” do acidente “resultou de acções inadequadas em pilotagem manual” da tripulação e tendeu a poupar a Airbus.

- Publicidade -
- Publicidade -

Grupo dissidente assalta centro de saúde no centro de Moçambique

Um grupo de homens armados, que a polícia moçambicana suspeita pertencerem à Junta Militar da RENAMO assaltou esta terça-feira um centro de saúde no...
- Publicidade -

Atlantic Ventures desmente Estado angolano e garante: “Tribunal Arbitral de Paris apenas não tinha competência para julgar o caso”

Em resposta ao comunicado emitido pelo Ministro dos Transportes de Angola, Viegas de Abreu, segundo o qual a empresa Atlantic Ventures teria sido condenada...

Com mais de 20 mil novos casos, Brasil se aproxima das 2 milhões de infecções pela COVID-19

O número de casos confirmados do novo coronavírus no Brasil aumentou em 20.286 nas últimas 24 horas, elevando o total acumulado a mais de...

Detido antigo director do gabinete do governador do Cuanza Sul

O antigo director do gabinete do governador da província do Cuanza Sul, Gildo Ferreira, foi detido segunda-feira (13) pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC). O...

Notícias relacionadas

Grupo dissidente assalta centro de saúde no centro de Moçambique

Um grupo de homens armados, que a polícia moçambicana suspeita pertencerem à Junta Militar da RENAMO assaltou esta terça-feira um centro de saúde no...

Atlantic Ventures desmente Estado angolano e garante: “Tribunal Arbitral de Paris apenas não tinha competência para julgar o caso”

Em resposta ao comunicado emitido pelo Ministro dos Transportes de Angola, Viegas de Abreu, segundo o qual a empresa Atlantic Ventures teria sido condenada...

Com mais de 20 mil novos casos, Brasil se aproxima das 2 milhões de infecções pela COVID-19

O número de casos confirmados do novo coronavírus no Brasil aumentou em 20.286 nas últimas 24 horas, elevando o total acumulado a mais de...

Detido antigo director do gabinete do governador do Cuanza Sul

O antigo director do gabinete do governador da província do Cuanza Sul, Gildo Ferreira, foi detido segunda-feira (13) pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC). O...

Comité especial da OPEP+ prepara redução de cortes na produção de Petróleo

A produção de petróleo da OPEP+, organização que junta os Países Exportadores (OPEP) e um grupo de outros 10 produtores liderados pela Rússia, vai...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.