InicioMundoÁsiaExercícios EUA-Coreia do Sul colocam conversas nucleares em risco - Pyongyang

Exercícios EUA-Coreia do Sul colocam conversas nucleares em risco – Pyongyang

Os Estados Unidos parecem dispostos a quebrar a promessa de não realizar exercícios militares com a Coreia do Sul, colocando em risco as negociações para que a Coreia do Norte abandone as suas armas nucleares, disse o Ministério do Exterior norte-coreano nesta terça-feira.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que concordou com a retomada das negociações paralisadas com a Coreia do Norte numa reunião surpresa com Kim Jong-un no mês passado, pareceu imperturbável, reiterando que não se sentia pressionado a concluir um acordo rápido.

Antes, o Ministério de Relações Exteriores da Coreia do Norte disse que o padrão de Washington de “renegar unilateralmente os seus compromissos” estava levando Pyongyang a reconsiderar os seus próprios compromissos de descontinuar testes de armas nucleares e mísseis balísticos intercontinentais, avança a Sputnik.

“A nossa interrupção dos testes nucleares e de ICBM [míssil intercontinental] e a suspensão dos exercícios militares conjuntos pelos EUA são, em todos os seus objectivos, compromissos assumidos para melhorar as relações bilaterais. Eles não são um documento legal”, afirmou.

Num outro comunicado divulgado pela agência de notícias estatal KCNA, um porta-voz do Ministério de Relações Exteriores acusou Washington e Seul de pressionar os exercícios militares de Dong Maeng neste verão, e os chamou de “ensaio de guerra”.

“Vamos formular a nossa decisão sobre a abertura de conversas em nível de trabalho, enquanto vigiamos a decisão dos EUA daqui em diante”, declarou o porta-voz.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.