Portal de Angola
Informação ao minuto

FMI aprova instrumento para apoiar Cabo Verde nas reformas em curso – Finanças

O vice-primeiro-ministro, Olavo Correia. (DR)

Observador|Lusa

O vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças cabo-verdiano anunciou que o Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou o Instrumento de Coordenação de Políticas para Cabo Verde, o qual apoiará o país nas reformas em curso.

Olavo Correia classificou este ato, formalizado hoje numa cerimónia que decorreu na cidade da Praia, como um “momento histórico para Cabo Verde” e recordou que só mais três países no mundo – Seicheles, Sérvia e Ruanda – contam com este “instrumento de aceleração do crescimento económico”.

Segundo o vice-primeiro-ministro, trata-se de “um reforço do FMI para países em processo de reformas estruturantes e com registo de sucesso”, ou seja, “países que demonstram confiança, segurança, previsibilidade e níveis de crescimento robustos”.

De acordo com o governante, este Instrumento de Coordenação de Políticas, para o período entre julho de 2019 e janeiro de 2021, é “consequência do pedido de Cabo Verde ao FMI para o suporte na implementação da estratégia de Cabo Verde para este mandato, espelhado no Plano Estratégico de Desenvolvimento Sustentável” (2017/2021).

Olavo Correia recordou que este plano ambiciona “o desenvolvimento de um turismo inclusivo, em benefício de todas as ilhas, transformar Cabo Verde numa plataforma de distribuição de tráfego aéreo e num centro internacional de negócios, criar uma plataforma financeira internacional e desenvolver uma plataforma digital de inovação tecnológica, expandir os serviços marítimos e apoiar as oportunidades locais de investimento e as da diáspora”.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »