Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Crianças morrem no Huambo vítimas de espancamento

Imagem ilustrativa (DR)

Duas menores de cinco anos de idade foram mortas, esta semana, na província do Huambo, vítimas de espancamento, cujas presumíveis autoras são as madrastas, detidas pela Polícia Nacional.

A informação foi prestada sexta-feira, à Angop, pelo porta-voz da corporação nesta região, intendente Martinho Kavita Satito, realçando que as vítimas ambas de três anos, respectivamente, foram espancadas até a morte, a primeira no bairro da Bomba Alta, e a segunda em Capilongo, localizados nos arredores da cidade do Huambo.

Acrescentou que as presumíveis autoras, de 20 e 23 anos de idade, respectivamente, encontram-se já detidas pelas autoridades policiais.

Entretanto, o oficial superior da Polícia Nacional mostrou-se preocupado com o aumento de crimes do género na província do Huambo, por se tratar de casos que ocorrem dentro das famílias.

Nos últimos dois meses, o Comando Provincial do Huambo da Polícia Nacional, em coordenação com o Serviço de Investigação Criminal, identificou seis crimes de homicídios voluntários e ofensas corporais, praticados dentro das famílias, com realce para pais que assassinaram os próprios filhos e (vice-versa).

O intendente Martinho Kavita Satito informou que ao longo desta semana foram igualmente detidos dois cidadãos de 20 e 23 anos, respectivamente, por terem violado, em plena via pública, uma adolescente de 14 anos, na aldeia de Tchissanje, comuna do Lunge, município do Bailundo.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »