Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Bento Francisco Xavier factura 370 milhões Kz em negócio com o Estado

Bento Francisco Xavier (DR)

Duas empresas afectas ao vice-governador do Kwando Kubango, Bento Francisco Xavier, facturaram até ao início deste ano com o Estado, em pouco mais de três anos, o valor superior a 370 milhões de kwanzas, por conta de contratos fictícios de prestação de serviços e de manutenção, escreve o Novo Jornal Online.

Uma revelação chegada a esta redacção, alicerçada num conjunto de pagamentos efectuados às empresas Befraxa e Fraxa, afectas ao vice-governador da província do Kwando Kubango para os Serviços Técnicos e Infra-estruturas, Bento Francisco Xavier, expõe um intrincado esquema de peculato através de vários contratos assinados com o Estado, alguns dos quais fictícios, avaliados em mais de 370 milhões de kwanzas.

Criada em 2007, a Befraxa & Filhos, Lda é uma sociedade comercial por quotas que tem como accionistas Bento Francisco Xavier e os seus filhos Edvaldo Dala Gregório Xavier e Edmar Ndala Manjinela Xavier, todos residentes em Menongue, sendo Bento Francisco Xavier o seu sócio-gerente.

A Fraxa Service-F.S, Limitada, criada em 2015, em nome de Bento Francisco Xavier e da sua filha Elisa Carmem Intumba Manjinela Xavier, à data dos factos menor de idade, é uma sociedade com capital inicial de um milhão de kwanzas, sendo sócio-gerente Bento Francisco Xavier.

Além de serem detidas pelo actual vice-governador do Kwando Kubango e recém-eleito membro do Comité Central do MPLA, quer a empresa Befraxa (constituída através das iniciais dos nomes de Bento Francisco Xavier), quer a Fraxa (Francisco Xavier) têm em comum o facto de terem recebido do Estado, entre 2016 e o início de 2019, elevadas somas na sequência de contratos para execução de obras públicas e de manutenção e conservação de bens e serviços.

Destes contratos, segundo apurou o Novo Jornal através do pagamento das ordens de saque a que teve acesso e outros documentos dos contratos, boa parte deles, senão mesmo 90 por cento deles, não foram executados, apesar de terem sido pagos na íntegra.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »