Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Prédio habitado pode desabar na Ingombota

UMA VISTA DA MARGINAL MODERNA DA CIDADE DE LUANDA, MAS A URBE TEM CENTENAS DE EDIFÍCIOS COLONIAIS QUE CARECEM DE RESTAURAÇÃO (FOTO: FRANCISCO MIÚDO)

O edifício denominado “prédio do banco BIC”, localizado no largo do Pelourinho, Avenida Rainha Ginga, distrito urbano da Ingombota, em Luanda, deve ser evacuado por estar na eminência de desabar, recomendou nessa quinta-feira o Comando do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros (SNPCB).

O prédio está localizado nas proximidades do largo Amizade Angola e Cuba, ex-largo do Baleizão, por detrás do Comando Geral da Polícia Nacional.

Depois de especialistas dos bombeiros terem feito uma avaliação técnica, no final da tarde dessa quinta-feira, constataram que o prédio apresenta fissuras e já registou o desabamento do tecto falso de diversos apartamentos.

“É um perigo eminente o actual estado do edifício. A parte exterior está bastante degradada, pelo que urge a necessidade de medidas urgentes ”, disse à Angop o chefe do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do SNPCB, Faustino Sebastião.

De acordo com o responsável, não se efectuou ainda a evacuação do edifício por falta de uma concertação com os órgãos da administração, nomeadamente Governo Provincial de Luanda, comissão administrativa e administração distrital.

Com 11 andares e mais de 50 apartamentos, o prédio tem actualmente 30 famílias, as outras já abandonaram por temerem pelo desabamento.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »