InicioDestaquesPR augura estabilidade na região dos Grandes Lagos

PR augura estabilidade na região dos Grandes Lagos

De acordo com a Angop, o Presidente da República, João Lourenço, espera que a região dos Grandes Lagos conheça, num futuro breve, dias melhores, numa altura em que estão em curso esforços para erradicar o fenómeno dos grupos armados, na República Democrática do Congo (RDC), que criam instabilidade na região.

Ao tomar a palavra na abertura da cimeira quadripartida (Angola, RDC, Rwanda e Uganda), que Luanda acolhe nesta sexta-feira, João Lourenço sublinhou que a reunião visa traçar etapas para solucionar os problemas que a sub-região africana enfrenta.

“Não digo uma solução imediata mas, pelo menos, na certeza de que muitos dos problemas que esta sub-região, de concreto, vive, poderão (…) conhecer dias melhores”, afirmou o Estadista angolano no encontro que encerra hoje.

Na sua alocução, o Chefe de Estado falou igualmente do alargamento da cimeira, numa referência à presença, em Luanda, do homólogo do Uganda, Yoweri Museveni.

Em Junho último, Angola e o Rwanda decidiram juntar-se à República Democrática do Congo nos esforços para erradicar os grupos armados congoleses e estrangeiros que actuam naquele país vizinho.

A decisão foi anunciada em N’sele, leste da capital congolesa, no termo de uma mini-cimeira que reuniu os chefes de Estado de Angola, João Lourenço, do Rwanda, Paul Kagamé e Félix Tshisekedi da RDC.

A cimeira de Luanda é uma iniciativa do Presidente angolano, João Lourenço, que endereçou convites aos seus homólogos Félix Tshisekedi, Paul Kagame e Yoweri Museveni.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.