- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Vida Saúde Mortes por tuberculose aumentam em Malanje

Mortes por tuberculose aumentam em Malanje

Quarenta e um pessoas morreram vítimas der tuberculose pulmonar no hospital Sanatório de Malanje, durante o primeiro semestre deste ano, mais 30 em relação a igual período anterior, informou hoje (quarta-feira) à Angop, o porta-voz da instituição, Barros João Bernardo.

De acordo com o responsável, o aumento de mortes deve-se, provavelmente, ao fluxo migratório da população das zonas rurais para a cidade de Malanje, aliada a cultura que as pessoas vêm ganhando nos últimos de aderir aos serviços de saúde.

Lamentou o facto de muitos doentes serem abandonados no hospital pelos familiares, tendo apontado o registo de 24 casos de abandono registados nos últimos seis meses.

Outra preocupação, segundo disse, deve-se a aglomeração de muitos pacientes no hospital provincial sanatório, porque os municípios de Malanje não estão vocacionados para o tratamento da tuberculose.

Realçou ainda que no período em balanço, o hospital sanatório atendeu 2 mil e 976 pacientes nas consultas externas, mais 2 mil e 421 comparativamente ao primeiro semestre de 2018.

Relativamente aos fármacos, fez saber que a província é abastecida regularmente pelas autoridades afins.

Actualmente o hospital sanatório controla 334 pacientes internados e em tratamento ambulatório.

A tuberculose pulmonar é uma doença bacteriana causada pela bactéria Mycobacterium tuberculosis, também conhecida como bacilo de Koch, geralmente transmitida de forma aérea, através de gotículas provenientes de tosse ou espirro de uma pessoa infectada.

- Publicidade -
- Publicidade -

Capital da Bielorrússia é abalada por explosões

A capital da Bielorrússia, Minsk, foi atingida por explosões neste domingo (9). O país regista protestos após as eleições presidenciais. A candidata oposicionista Sviatlana Tsikhanouskaya...
- Publicidade -

A embriaguez pela leitura

Para satisfazer um vasto número de leitores que solicitaram a peça tomei a liberdade de a colocar outra vez on line, desta vez, no...

Ana Gomes: a activista com alma de ONG que não quer ser politicamente correcta

Bastaram duas perguntas para assumir que não trabalha para agradar a todos, mas sim para desagradar a muita gente. Diz que as conquistas lhe...

David Quammen: “Vêm aí outras pandemias e esta não se vai embora nunca mais”

Já andou à procura de galinhas com influenza, de morcegos com SARS, e do ébola. Foi perseguido por elefantes, dormiu ao relento e entrevistou...

Notícias relacionadas

Capital da Bielorrússia é abalada por explosões

A capital da Bielorrússia, Minsk, foi atingida por explosões neste domingo (9). O país regista protestos após as eleições presidenciais. A candidata oposicionista Sviatlana Tsikhanouskaya...

A embriaguez pela leitura

Para satisfazer um vasto número de leitores que solicitaram a peça tomei a liberdade de a colocar outra vez on line, desta vez, no...

Ana Gomes: a activista com alma de ONG que não quer ser politicamente correcta

Bastaram duas perguntas para assumir que não trabalha para agradar a todos, mas sim para desagradar a muita gente. Diz que as conquistas lhe...

David Quammen: “Vêm aí outras pandemias e esta não se vai embora nunca mais”

Já andou à procura de galinhas com influenza, de morcegos com SARS, e do ébola. Foi perseguido por elefantes, dormiu ao relento e entrevistou...

Juan Carlos, rei emérito de Espanha, tem garagem com carros de sonho

Tal como o seu avô, Alfonso XIII, o monarca é um apaixonado por automóveis e por velocidade desde tenra idade. Vivem-se tempos muito turbulentos na...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.