Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Perímetro Irrigado de Caxito quer recuperar 800 hectares

Perímetro Irrigado de Caxito subaproveitado... e a culpa não é apenas dos produtores (DR)

O Perímetro Irrigado de Caxito pretende recuperar, este ano, 800 hectares, que estão sem aproveitamento, para dinamizar a produção agrícola no projecto, informou hoje, o presidente do Conselho de Administração da Caxito Rega, João Mpilamosi Domingos.

Em declarações à Angop, em Caxito, província do Bengo, João Domingos frisou que já foram recuperados 30 hectares a entidades que não faziam o aproveitamento das terras concedidas.

“Nós temos potenciais investidores que querem trabalhar na terra com recursos e pessoal qualificado, mas não conseguem fazer o seu trabalho porque não há terra disponível, já que a ocupada é detida por entidades que não cumprem com as obrigações impostas pela sociedade gestora do Perímetro”, desabafou o PCA da Caxito Rega.

O responsável fez menção a um pronunciamento recente do Presidente da República dirigido aqueles que ocupam espaços sem aproveitamento útil, e afirmou que a Caxito Rega, enquanto gestora do Perímetro Irrigado de Caxito, pretende cumprir com essa orientação e dar as terras aqueles que possam gerar emprego, fomentar a produção interna e substituir as importações.

João Domingos referiu que a falta de aproveitamento dos espaços agricultáveis no Perímetro Irrigado de Caxito provoca prejuízos acima dos 120 milhões de Kwanzas/ ano.

O Perímetro Irrigado de Caxito conta com duas grandes fazendas (Novagrolider e TuriAgro), sete pequenas e médias empresas, uma associação de ex-militares e pequenos produtores (camponeses isolados).

As duas fazendas produzem anualmente mais de 100 mil toneladas de produtos diversos, dispõem de uma tecnologia avançada e pretendem expandir as áreas de produção

Para além da banana, considerada “cartão-de-visita” da província, pode-se encontrar no perímetro a melancia, a papaia, a manga, a pitaya, a laranja, o limão e outros produtos hortícolas.

Para manter o perímetro funcional, a empresa gasta anualmente entre 100 a 120 milhões de kwanzas.

Criada em 2008, o Perímetro Irrigado de Caxito tem uma área total de 4.626 hectares, dos quais 1.100 reservado a produção de banana e 2.500 hectares irrigáveis.

Este ano o perímetro prevê produzir 300 toneladas de produtos diversos.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »