Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Rui Falcão pode indemnizar antigo funcionário preso injustificadamente

Rui Falcão - Governador provincial de Benguela (Foto: Clemente Ndala)

VOA | Armando Chicoca

O advogado do antigo governador do Namibe e actual governador de Benguela, Rui Falcão, pediu hoje a absolvição deste numa acção judicial iniciada por um antigo trabalhador do palácio presidencial do Namibe que exige uma indemnização por prisão injustificada.

João Mendes Mussungo esteve preso sete meses numa investigação a roubos na casa do governador, mas acabou por ser absolvido.

O advogado de Rui Falcão, Hilário Tadeu fez notar que Falcão tinha apresentado uma queixa à policia nunca tendo mencionado o nome de Mussungo.

A policia, disse, tinha investigado várias pessoas e decidido prender esse funcionário pelo que este deve procurar os verdadeiros culpados dessa prisão que são os serviços de investigação criminal e procuradoria.

O advogado de Mussungo, Sebastião Assurreira diz que aguarda a decisão do juiz e que só depois tomará uma decisão sobre os passos a seguir.

Mas, disse “venha chuva ou sol” Mussungo terá que ser indemnizado pelas vicissitudes que passou e por ter sido manchado o seu bom nome.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »