- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Regiões Governo de Benguela quer maior entrosamento com sector económico

Governo de Benguela quer maior entrosamento com sector económico

O Governo Provincial de Benguela vai trabalhar, doravante, no estreitamento das relações com as associações afectas ao sector económico, no sentido de traçarem as linhas orientadoras do crescimento da economia local.

Essa afirmação é do governador provincial de Benguela, Rui Falcão, que falava à Angop, acrescentando que esse crescimento será alicerçado com o lançamento do programa de investimentos nos municípios.

Na mesma senda, o governante defendeu a necessidade do fortalecimento do empresariado local, para criação de mais empregos e garantia de sustentabilidade das famílias.

Rui Falcão reafirmou o compromisso do governo local, no sentido de continuar a resolver os problemas sociais da população, fundamentalmente em termos de fornecimento de energia eléctrica e de água, aposta num serviço de saúde de qualidade e na qualidade do ensino.

Nesse quesito, destaque para a melhoria que a província regista actualmente em termos de fornecimento de energia eléctrica, depois dos constantes apagões por vários anos, resultado da ligação da rede ao sistema de produção da região norte do país, concretamente a partir da barragem de Cambambe, enquanto se assiste a investimentos consideráveis nos sectores das águas, saúde e educação.

Relativamente ao recente congresso do MPLA, o também primeiro secretário dessa formação política em Benguela considerou-o “estrondoso”, pelo nível de participação e de abordagens.

Rui Falcão mostrou a sua satisfação pelo facto da província eleger mais cinco novos membros ao comité central do partido, que vão trabalhar no fortalecimento do MPLA em Benguela rumo à vitória nas eleições autárquicas.

na qual a província de Benguela ganhou cinco novos membros, que doravante irão garantir maior entrosamento nos interesses do partido, bem como fortalecer a campanha rumo as eleições autárquicas.

- Publicidade -
- Publicidade -

FACTUALIDADES: Apesar do silêncio dos deputados do MPLA – Waldemar Bastos e Carlos Burity serão objecto de exaltação pública

Os deputados da bancada parlamentar do MPLA recusaram, com um tumular silêncio, a homenagem póstuma ao músico angolano Waldemar Bastos, preferindo exaltar unicamente, outra...
- Publicidade -

Camponeses dormem ao relento em Luanda para evitar usurpação de terras

A disputa de terras na zona do Patriota, em Luanda, onde estão a ser construídas residências luxuosas, ganha novos contornos. A polícia angolana está a...

Covid-19: Mais de 50 cidadãos condenados a pagar multa

Cinquenta e três cidadãos nacionais detidos no princípio desta semana no município do Soyo, província do Zaire, por uso incorrecto de máscaras faciais, começaram...

PSG e Atalanda abrem quartos-de-final da “Champions” em Lisboa

É o maior evento desportivo do ano, é a primeira vez que se joga neste formato e é a primeira vez que se realiza...

Notícias relacionadas

FACTUALIDADES: Apesar do silêncio dos deputados do MPLA – Waldemar Bastos e Carlos Burity serão objecto de exaltação pública

Os deputados da bancada parlamentar do MPLA recusaram, com um tumular silêncio, a homenagem póstuma ao músico angolano Waldemar Bastos, preferindo exaltar unicamente, outra...

Camponeses dormem ao relento em Luanda para evitar usurpação de terras

A disputa de terras na zona do Patriota, em Luanda, onde estão a ser construídas residências luxuosas, ganha novos contornos. A polícia angolana está a...

Covid-19: Mais de 50 cidadãos condenados a pagar multa

Cinquenta e três cidadãos nacionais detidos no princípio desta semana no município do Soyo, província do Zaire, por uso incorrecto de máscaras faciais, começaram...

PSG e Atalanda abrem quartos-de-final da “Champions” em Lisboa

É o maior evento desportivo do ano, é a primeira vez que se joga neste formato e é a primeira vez que se realiza...

COVID-19: Cabo Verde chega aos três mil casos e Moçambique regista duas mortes

Cabo Verde ultrapassou os três mil casos do novo coronavírus, enquanto Moçambique registou, nas últimas 24 horas, mais dois óbitos. Angola tem mais 27 casos. O...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.