Portal de Angola
Informação ao minuto

Desconhecidos ateam fogo em autocarros no Bié

Indivíduos desconhecidos atearam fogo, na manhã de hoje (terça-feira), em dois autocarros da empresa de transportes colectivos SGO, no Bié, paralisados há mais de três anos na sua base, na cidade do Cuito. (foto ilustrativa) (DR)

Indivíduos desconhecidos atearam fogo, na manhã de hoje (terça-feira), em dois autocarros da empresa de transportes colectivos SGO, no Bié, paralisados há mais de três anos na sua base, na cidade do Cuito.

Moradores próximos do local, escreve Angop, aventaram tratar-se de fogo posto, pelo facto do local, abandonado desde 2017, se transformar em esconderijo de marginais e é frequentado por dementes.

O sub-gerente da empresa, Ricardo Fernando Simão, disse à Angop que apesar da paralisação das viaturas, em função da saída da empresa do mercado, os autocarros estavam em boas condições.

Sem avançar outros prejuízos causados pelo incêndio, confirmou que a base transformou-se, nos últimos meses, em albergue de marginais e dementes.

O agente bombeiro António Maurício, responsável da equipa de Protecção Civil e Bombeiros que acorreu ao local, considerou ter sido um incêndio de grandes proporções, e não foram a tempo de extinguir.

A SGO implantou-se no Cuito em 2012, sendo a primeira operadora de transporte colectivo a realizar a rota interprovincial entre as cidades do Cuito/Luanda e vice-versa.

Este é o segundo caso de género que acontece na cidade do Cuito, o primeiro ocorreu em Fevereiro do ano em curso no estaleiro da empresa “RSJ”, tendo sido afectados também igual número de autocarros.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »