Portal de Angola
Informação ao minuto

Basquetebol: Artur Barros e Mariano de Almeida em tribunal

Hélder Cruz - Presidente da FAB (FOTO: ANTÓNIO ESCRIVÃO)

O vice-presidente para o basquetebol do Petro de Luanda, Artur Barros, e o comentarista desportivo Mariano de Almeida respondem em tribunal, dia 27 deste mês, a um processo interposto pelo presidente da FAB, apurou nesta terça-feira a Angop, em Luanda.

Hélder Cruz “Maneda” apresentou queixa ao Tribunal Provincial de Luanda, alegadamente, por difamação e calúnia por parte dos notificados, segundo informou o advogado de acusação, Egas Viegas.

Em processo do género, a sentença pode resultar em dois anos de cadeia aos visados ou no pagamento de uma multa em valor monetário mediante acordo entre as partes, segundo o advogado formado em direito desportivo.

Trata-se de um caso pouco comum a nível do desporto angolano.

Maneda foi eleito em 2017 para o cargo de presidente de direcção da federação, em substituição de Paulo Madeira.

Até agora, o seu mandato tem sido marcado por várias contestações por parte dos associados e amantes do desporto, tendo na sequência prometido colocar o cargo à disposição, mas que não veio a concretizá-lo.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »