Portal de Angola
Informação ao minuto

ONU disponibiliza USD 284 milhões para projectos em Angola

(DR)

Duzentos e 84 milhões de dólares norte-americanos é o valor a ser disponibilizado pelas Nações Unidas, para o financiamento de projectos económicos e sociais em Angola, no quadro da cooperação para o desenvolvimento sustentável 2020 – 2022, informou hoje, o coordenador das Nações Unidas no País, Paolo Balladelli.

Segundo avança Angop, Paolo Balladelli referiu que a relação com parceiros bilaterais vai permitir que durante os três anos possa se mobilizar outros 50 por cento deste valor, para o financiamento de projectos ligados às metas dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 2020-2030.

O responsável, que falava à imprensa, no final da reunião de apresentação das prioridades, no quadro da cooperação entre Angola e as Nações Unidas, visando o desenvolvimento sustentável 2020/2022, considerou o financiamento como elemento principal para a erradicação da pobreza, fome, melhoria no sector da saúde, educação, transformação económica, entre outras acções.

Referiu que no encontro entre as Nações Unidas, Ministério da Economia e Planeamento, e parceiros sociais, realizado em Março último, estabeleceu-se como prioridades, a transformação económica e social, meio ambiente e resiliência da população vulnerável, adolescentes, jovens e emponderamento da mulher e democracia e estabilidade.

Além do financiamento, considerou importante o trabalho que as 18 agências das Nações Unidas vão desenvolver em Angola, visando o fortalecimento das instituições nacionais e a criação de capacidades nacionais.

Em relação à parceria entre Angola e as Nações Unidas, considerou haver progresso nos projectos sociais (educação e saúde), mas ainda assim considerou importante a melhoria das capacidades para atingir o bem-estar social.

Por sua vez, o ministro da Economia e Planeamento, Pedro Luís da Fonseca, afirmou que, no quadro da cooperação entre ONU e Angola para o desenvolvimento sustentável 2020-2030, o Governo procura, através de políticas e projectos concretos de intervenção, amenizar os efeitos da crise económica, financeira e social que o país vive.

Explicou que o apoio que o Programa do Sistema das Nações Unidas vai se concentrar na promoção de parcerias para apoiar a graduação de Angola dos Países Menos Avançado (PMA) até Fevereiro de 2021, no fortalecimento das instituições nacionais para alcançar a diversificação económica.

A parceria visa, igualmente, o incremento da capacidade produtiva das Pequenas e Medias Empresas e cooperativas com uma ligação nos objectivos e políticas contidas no Prodesi entre outras mediadas.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »