- Publicidade-
Rádio Calema
Inicio Destaques João Lourenço tem oportunidade de reconciliar o MPLA - Moco

João Lourenço tem oportunidade de reconciliar o MPLA – Moco

O antigo secretário-geral do MPLA, Marcolino Carlos Moco, declarou neste sábado, em Luanda, que o actual presidente do partido, João Lourenço, tem uma oportunidade singular de reconciliar a classe dirigente, desencorajando actos de perseguição.

Em declarações à imprensa, à margem do VII congresso extraordinário do MPLA, partido no poder, escreve Angop, Marcolino Moco disse ser oportunidade de João Lourenço, homem desta geração, acabar de vez com tais práticas e de recear a diferença de ideias.

Segundo afirmou, acredita que a unidade não se faz só com aplausos e concordância com tudo, mas sim com o reconhecimento dos diferentes e nunca se pensar que só são fiéis ao líder os “sem ideias”, os que só aplaudem.

Marcolino Moco apelou ao pragmatismo ao se lidar com erros gravíssimos de governação, cometidos essencialmente entre 2002 a 2015, sob pena de todas as pessoas importantes do país irem para cadeia.

Defendeu que a responsabilização deve ser ética e moral, promovendo-se a justiça reestaurativa, adaptável à realidade angolana, ao invés de se importar modelos europeus ou outros.

Considerou sensatas as medidas tomadas no sentido de se manter funcionais as empresas constituídas, com fundos públicos, mesmo na anormalidade, por garantirem serviços e empregos, revendo-se inclusive a sua titularidade.

Aconselhou a se evitarem erros como os cometidos depois da independência Nacional, ao se partir tudo que parecia ser colonial para se construir tudo de novo .

- Publicidade -
- Publicidade -

Presidente da República encoraja diálogo aberto

O Presidente da República, João Lourenço, encorajou, este sábado, o contínuo diálogo aberto e a concertação de ideias entre as instituições do Estado e...
- Publicidade -

Portugal “entalado” entre dívida e União Europeia

João Duque refere que ajudas às empresas têm de ser “estritamente para acudir à Covid”, enquanto a CIP defende que “não é com moratórias...

Mais de 150.000 casos de COVID-19 no Peru, com recorde de 7.386 contágios em 24 horas

O Peru, o segundo país da América Latina com os mais infectados pelo COVID-19, ultrapassou 150.000 casos confirmados neste sábado, após um número recorde...

Protestos pela morte de George Floyd continuam com pilhagens e violência contra polícias

O recolher obrigatório foi decretado em dezenas de cidades no país. Os protestos pela morte de George Floyd continuam pela quinta noite consecutiva, em vários...

Notícias relacionadas

Presidente da República encoraja diálogo aberto

O Presidente da República, João Lourenço, encorajou, este sábado, o contínuo diálogo aberto e a concertação de ideias entre as instituições do Estado e...

Portugal “entalado” entre dívida e União Europeia

João Duque refere que ajudas às empresas têm de ser “estritamente para acudir à Covid”, enquanto a CIP defende que “não é com moratórias...

Mais de 150.000 casos de COVID-19 no Peru, com recorde de 7.386 contágios em 24 horas

O Peru, o segundo país da América Latina com os mais infectados pelo COVID-19, ultrapassou 150.000 casos confirmados neste sábado, após um número recorde...

Protestos pela morte de George Floyd continuam com pilhagens e violência contra polícias

O recolher obrigatório foi decretado em dezenas de cidades no país. Os protestos pela morte de George Floyd continuam pela quinta noite consecutiva, em vários...

Ministra da Cultura, Turismo e Ambiente ausculta actores do Ambiente

A Ministra da Cultura, Turismo e Ambiente, Adjany Costa, auscultou essa semana (Dia 28 de Maio), em Luanda, organizações não governamentais e projectos Ambientais,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.