Ensa
Portal de Angola
Informação ao minuto

Moçambique: Renamo minimiza dissidentes

Ossufo Momade, novo presidente da Renamo, é alvo de contestação nas hostes dos guerrilheiros. (Lusa)

Em Moçambique a Renamo, maior partido da oposição, desvalorizou hoje a posição de guerrilheiros dissidentes do movimento da perdiz que tinham nesta quarta-feira ameaçado de morte Ossufo Momade tecendo duras críticas à sua presidência desta força política.

Para o porta voz do principal partido da oposição em Moçambique, citado pela RFI, as ameaças de morte feitas pelo antigo major general da Renamo, Mariano Chissinga, ao líder desta formação politica, Ossufo Momade, e as acusações do mesmo estar a excluir os comandos do processo de desmilitarização e reintegração são infundadas e têm um único objectivo: Denegrir a imagem do líder e do partido, e isto num ano de eleições.

Por isso José Manteigas que considera que se vive um ambiente cordial e de união na Serra da Gorongosa encoraja a continuidade do diálogo político entre as principais lideranças.

Contudo, apesar do ultimato dado pelo grupo de desertores, e segundo o partido, Ossufo Momade vai continuar a liderar a Renamo e concorrer às eleições gerais de 15 de Outubro.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »