Portal de Angola
Informação ao minuto

Presidente da Ucrânia destitui 15 dos 27 governadores

Volodymyr Zelensky (DR)

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, destituiu esta terça-feira 15 dos 27 governadores do país e propôs de novo ao parlamento a substituição do ministro dos Negócios Estrangeiros, Pavló Klimkin.

Volodymyr Zelensky, no poder desde 20 de maio, demitiu os governadores de regiões como a capital, Kiev, e Donetsk, dividida em duas devido à guerra contra os separatistas pró-russos em Donbass.

Segundo a Lusa, a lista dos novos governadores designados pelo chefe de Estado ucraniano foi publicada no portal da Presidência.

Zelensky propôs ao Parlamento a substituição do atual chefe da diplomacia, Pavló Klimkin, pelo subchefe da administração presidencial e ex-embaixador na NATO, Vadim Pristaiko. O Parlamento ucraniano já tinha rejeitado, na semana passada, a destituição de Pavló Klimkin, assim como do ministro da Defesa e do chefe do Serviço de Segurança.

Em 30 de maio, os deputados recusaram a exoneração do primeiro-ministro, Vladimir Groisman.

De acordo com a Constituição ucraniana, as nomeações e destituições no Governo têm de ser aprovadas pelo Parlamento.

O Presidente ucraniano dissolveu o parlamento e convocou eleições antecipadas para 21 de julho, mas o Parlamento (Rada) continua em funções até ao início da nova legislatura.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »