Portal de Angola
Informação ao minuto

PR satisfeito com o trabalho do IGAE no combate à corrupção

Presidente da República (DR)

O Presidente da República, João Lourenço, quer uma Inspecção Geral da Administração do Estado (IGAE) mais eficiente e comprometida com a luta contra a corrupção, o nepotismo e outras práticas nocivas à sociedade.

O titular do poder Executivo, que falava nesta quarta-feira na cerimónia de posse de dois novos inspectores-gerais adjuntos do IGAE, sublinhou que, com o trabalho da inspecção, os gestores públicos são desencorajados a práticas menos boas, servindo melhor a nação.

No acto, escreve a Angop, em que tomaram posse os inspectores-gerais adjuntos Eduardo Semente Augusto e Tomás Gabriel Neto Joaquim, o Presidente João Lourenço ressaltou o trabalho activo do IGAE na luta contra as práticas lesivas ao Estado.

João Lourenço considerou normal que o país conte com o trabalho de instituições como o IGAE, a Polícia, os Tribunais e o Ministério Público, num momento em que o foco é a necessidade da luta contra as práticas nocivas ao interesse público.

“Felizmente, conseguimos hoje ter uma Inspecção-Geral do Estado activa, cujos resultados já temos tido oportunidade de verificar”, afirmou o Presidente.

Aposta nos programas do IGAE

À margem da cerimónia, testemunhada pelo vice-presidente da República, Bornito de Sousa, o inspector-geral adjunto do IGAE, Eduardo Augusto, disse à imprensa que há muito trabalho pela frente e que o seu desempenho vai cingir-se no auxílio ao inspector-geral e no reforço dos programas da instituição.

Disse que a aposta no auxilio ao inspector-geral da administração pública passa pelo reforço do sistema de controlo interno e dos programas de transparência na gestão governativa e corporativa.

O inspector-geral adjunto manifestou-se convicto em vencer os desafios que se colocam à instituição, tendo em vista o que considerou o interesse supremo, o combate à corrupção e ao nepotismo.

Eduardo Semente Augusto e Tomás Gabriel Neto Joaquim foram nomeados pelo Presidente da República a 5 de Junho último.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »