Radio Calema
InicioAngolaSociedadePolícia deteve ancião por atentado ao pudor

Polícia deteve ancião por atentado ao pudor

Segundo o JA, Um ancião de 60 anos foi detido ontem pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC) por atentado ao pudor contra um menor de 14 anos, no Distrito Urbano do Kilamba Kiaxi, em Luanda.

A informação foi avançada à imprensa pelo director de Comunicação Institucional e Imprensa da Delegação do Ministério do Interior em Luanda, intendente Mateus Rodrigues, durante a apresentação dos resultados do trabalho operativo realizado pelo SIC, entre os dias 7 e 30 deste mês.

O oficial superior da Polícia Nacional explicou que o ancião aliciou o menor com um pacote de bolacha para, com a vítima, manter relações sexuais.

A última vez que o ancião chamou pelo rapaz, na sua cantina onde manteve relações sexuais, foi na última terça-feira. A cantina onde o acusado desenvolve a actividade comercial está localizada no Kilamba Kiaxi. A família do rapaz ficou revoltada ao tomar conhecimento do sucedido.

O jovem confessou ao SIC ter mantido, por diversas vezes, relações sexuais com o ancião que revelou o crime, mas disse ter-se envolvido com o rapaz apenas uma única vez.

Diante de abusos constantes, disse Mateus Rodrigues, o menor informou aos progenitores que, de imediato, apresentaram queixa junto de uma esquadra, situação que levou à detenção do ancião.

Durante a conferência de imprensa, o SIC apresentou dois indivíduos, de 22 e 23 anos, que no dia 26 de Maio assassinaram a tiro, por volta das 2 horas da madrugada, um soldado das Forças Armadas Angolanas, colocado na Unidade de Segurança Presidencial.

Segundo Mateus Rodrigues, o crime ocorreu quando o militar saía de um convívio num dos restaurantes no Cazenga, tendo, minutos depois, sido interpelado por marginais que pretendiam receber os seus haveres, como telefones, pasta com dinheiro e documentos.

O militar resistiu ao roubo e foi atingido com um tiro na região do tórax, conhecendo a morte a caminho do Hospital dos Cajueiros, no Cazenga. Durante a operação, a Polícia apreendeu 19 armas de fogo de diversos calibres, 13 viaturas de várias marcas e modelos, sete motorizadas de diversas marcas e modelos.

Com base nas ocorrências, o oficial da Polícia, Mateus Rodrigues, apelou aos cidadãos no sentido de apresentarem queixa junto de uma esquadra sempre que se sentirem lesados.

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.