Radio Calema
InicioDestaquesUNITA confirma funeral de Jonas Savimbi

UNITA confirma funeral de Jonas Savimbi

O funeral oficial de Jonas Savimbi está confirmado para 1 de Junho próximo, afirmou, hoje, quarta-feira, no Cuito, o porta-voz da UNITA, Alcides Sakala.

Segundo avança Angop, a comitiva chefiada pelo Presidente do partido, Isaías Samakuva, que inclui militantes e membros da família Savimbi, descolou-se do Cuito para o Andulo, para posteriormente seguir para o Huambo, onde realizará na noite desta quarta-feira uma vigília, na casa do malogrado.

Nesse mesmo dia, os filhos de Jonas Savimbi descartaram haver divergências entre a família do malogrado e a UNITA no processo de recepção dos restos mortais do líder-fundador da organização.

Falando em conferência de imprensa na cidade do Cuito, Durão Cheia Savimbi, filho do líder-fundador da UNITA, reagiu às declarações feitas terça-feira última pelo ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, Pedro Sebastião, afirmando que o momento que se vive é de recolhimento e solenidade conjunta.

Durão Savimbi agradeceu a solidariedade com que a sua família tem contado a nível nacional e internacional, exprimindo o desejo de que enquanto filhos pretendem enterrar as ossadas do seu progenitor na paz e com verdade.

Outrossim, o porta-voz da UNITA Alcides Sakala revelou que Isaías Samakuva, remeteu na manhã de hoje uma carta ao Presidente da República, João Lourenço, sem, no entanto, avançar o teor do documento.

Nascido na localidade de Munhango, na província do Bié, a 3 de Agosto de 1934, Jonas Savimbi morreu, em combate, no Lucusse, província do Moxico, a 22 de Fevereiro de 2002, e havia sido enterrado no cemitério municipal do Luena (Moxico).

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.