Portal de Angola
Informação ao minuto

Subida do nível do mar ameaça habitações de 150 mil portugueses

Imagem ilustrativa (DR)

De acordo com a RTP, dentro de 30 anos a subida do nível do mar pode ter ameado as habitações onde vivem hoje 150 mil portugueses. Estas projeções até 2050 revelam que Setúbal, Faro e Aveiro são as zonas de maior risco.

Quem mora na praia de Faro, habituado a ver o mar subir e descer todos os dias, não acredita num cenário em que o mar suba e já não volte a descer.

Mas é exatamente isso que os investigadores acreditam que vai acontecer.

Cerca de 14 por cento da população portuguesa vive na faixa de 2 quilómetros ao longo da linha de praia mar. Em 2050, 150 mil portugueses podem ser afetados com a subida do mar. Em 2100 podem chegar a mais de 220 mil.

Há onze distritos e concelhos em maior risco. Setúbal, Faro e Aveiro são as regiões onde há mais residentes em áreas costeiras vulneráveis.

A situação é irreversível. O nível vai mesmo começar a subir. A única incerteza é a que ritmo. Neste momento tudo o que podemos fazer é adaptarmo-nos.

A partir da próxima terça-feira investigadores de todo o mundo debatem no CCB em Lisboa a adaptação às alterações climáticas.

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »